Grêmio vasculha mercado atrás de lateral-direito e Edilson é opção

Atleta estaria disposto a voltar a atuar em Porto Alegre

30 de dezembro de 2019 - Às 16:26
(Foto: Gabriel Duarte)

Mesmo com o anúncio de Victor Ferraz, ex-Santos, o Grêmio segue atrás de um lateral-direito. Leonardo Gomes, lesionado, deve estar à disposição só em maio e Léo Moura e Rafael Galhardo deixaram o clube. Um dos nomes na mesa é o de Edilson, do Cruzeiro.

Gilmar Veloz, agente do atleta, já sabe que Edilson quer deixar Belo Horizonte. O empresário do lateral, inclusive, conhece o desejo do jogador de retornar a Porto Alegre, onde conquistou a Copa do Brasil de 2016 e a Libertadores de 2017. Romildo Bolzan, entretanto, não vê o jogador como “plano A”.

O atleta de 33 anos tem mais um ano de contrato com a Raposa, que também deseja negociá-lo. Afinal, o clube mineiro vive uma crise financeira e está repaginando o grupo de jogadores para disputar a Série B em 2020. Além disso, o salário dele é considerado fora dos novos padrões da equipe. Edilson já confessou que atuar no elenco gremista pela terceira vez seria o seu desejo para a próxima temporada.

O presidente Romildo aguarda as movimentações de mercado e observa a situação do defensor. A saída do lateral-direito não agradou ao mandatário no final de 2017, quando o jogador pediu para deixar o Grêmio.



Veja também