Grêmio usará Brasileirão para buscar ritmo ideal até finais da Libertadores

Tricolor também quer fincar pé no G4 nos próximos jogos

7 de novembro de 2017 - Às 12:11
Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação / CP

Chegar à primeira partida da final da Libertadores da América, no dia 22, contra o Lanús, com a confiança em alta. O Grêmio vai utilizar os próximos jogos do Campeonato Brasileiro não só para fincar o pé no G-4 — atualmente é o terceiro colocado — e ter uma vaga direta na competição sul-americana em 2018, mas também como forma de deixar a equipe o mais próximo possível do ideal. Amanhã, o Tricolor encara a Ponte Preta, em Campinas, com a moral elevada após a vitória de virada sobre o Flamengo no domingo.

Renato Portaluppi deu a entender na coletiva após os 3 a 1 sobre o time carioca que não pretende poupar jogadores na partida de amanhã, com exceção de algum atleta que apresente cansaço excessivo. Com isso, a tendência é de pelo menos uma equipe mista em Campinas. “Sabemos que é importante chegar no momento da decisão da Libertadores com a confiança em alta. Por isso, temos que vencer partidas, estar em uma fase boa e evoluir como equipe”, destaca o meia Ramiro. “Sempre temos detalhes a serem melhorados, as partidas do Brasileiro vão nos dar essa possibilidade, vai ser importante para chegar com 100% fisicamente, mentalmente e tecnicamente”, projeta.

O Grêmio ainda enfrenta Ponte Preta, Vitória, São Paulo e Santos, antes do confronto de ida com o Lanús. “Vale também para querer vencer, representar a camisa de um clube como o Grêmio e encarar grandes adversários. Sabemos que não tem nada garantido na Libertadores, então é importante brigar pelo G-4. Para o clube, também é melhor financeiramente ficar mais à frente na tabela, tem que se dedicar ao máximo no Brasileiro”, encerrou Ramiro.



Veja também