Grêmio tem retrospecto favorável em estreias na Libertadores

Tricolor tem aproveitamento de 64% em estreias na competição continental

16 de fevereiro de 2016 - Às 12:30
Riveros marcou o gol da vitória sobre o Nacional-URU na estreia em 2013
Riveros marcou o gol da vitória sobre o Nacional-URU na estreia em 2013

Se o retrospecto na altitude não é das melhores, o mesmo não pode ser falado de estreias do Tricolor na Libertadores. Até hoje, o Tricolor teve 15 estreias na Libertadores, confira abaixo os números:

15
Jogos
8
Vitórias
5
Empates
2
Derrotas
64%
Aprov.
27
Gols
16
Sofridos
11
Saldo

Apenas uma dessas estreias foi contra uma equipe Mexicana. Em 2003, o Tricolor estreou com vitória de 3 a 2 sobre o Pumas que por coincidência teve como um dos nomes dos gols, o hoje técnico Roger. Em 1984 houve a maior goleada em estreia: 5 a 1 diante do Flamengo.

Em 1995, o Tricolor estreou com derrota para o Palmeiras, assim como em 2013, para a LDU – time que novamente será adversário nesta edição.

Veja abaixo a lista de estreias:

1982 – São Paulo 2 x 2 Grêmio (Edmar, Bonamigo)
1983 – Grêmio 1 x 1 Flamengo (De León)
1984 – Grêmio 5 x 1 Flamengo (Osvaldo (2), Caio, Renato, Tarciso)
1990 – Grêmio 2 x 0 Vasco da Gama (Nílson, Darci)
1995 – Palmeiras 3 x 2 Grêmio (Jardel, Goiano)
1996 – Botafogo 1 x 1 Grêmio (Jardel)
1997 – Cruzeiro 1 x 2 Grêmio (Zé Alcino, Émerson)
1998 – Grêmio 1 x 0 Vasco da Gama (Guilherme)
2002 – Oriente Petrolero 2 x 4 Grêmio (Rodrigo Mendes (3), Ânderson Lima)
2003 – Grêmio 3 x 2 Pumas (Luís Mário, Lozano (contra), Roger)
2007 – Cerro Porteño 0 x 1 Grêmio (Lucas)
2009 – Grêmio 0 x 0 U. de Chile
2011 – Liverpool 2 x 2 Grêmio (André Lima e Douglas)
2013 – LDU 1 x 0 Grêmio
2014 – Nacional-URU 0 x 1 Grêmio (Riveros)



Veja também