O Grêmio sagrou-se campeão gaúcho de 2020 no domingo, mesmo com derrota para o Caxias, e também colocou o maior número de jogadores na seleção do campeonato. A premiação dos Melhores do Gauchão ocorreu na noite desta segunda-feira, de maneira virtual, por conta dos protocolos sanitários durante a pandemia do novo coronavírus.

O Tricolor teve quatro jogadores entre os destaques da competição. Entre eles, o craque. Everton Cebolinha, que já deixou o clube e foi para o Benfica, recebeu a honraria.

O Caxias, vice-campeão, e o Inter, terceiro colocado, colocaram três atletas cada na seleção. A última vaga na escalação ficou com o lateral-esquerdo Zé Mário, do Novo Hamburgo, que agora está no Ypiranga para a disputa da Série C.

O técnico grená Rafael Lacerda levou o prêmio de melhor técnico. Maurício Penna foi o melhor assistente, e Leandro Vuaden, o melhor árbitro. Paulo César Santos, presidente do Caxias, ganhou como melhor dirigente.

Para a eleição dos Melhores do Gauchão, a Federação Gaúcha de Futebol (FGF) criou uma comissão composta por especialistas, torcedores, treinadores e imprensa. Confira abaixo o resultado completo:

  • Craque: Everton (Grêmio/Benfica)
  • Goleador: Diego Souza (Grêmio) – 9 gols
  • Melhor técnico: Rafael Lacerda (Caxias)
  • Melhor árbitro: Leandro Vuaden
  • Melhor assistente: Maurício Penna
  • Melhor dirigente: Paulo César Santos (presidente do Caxias)
Seleção do Gauchão 2020 — Foto: Arte / ge

Seleção do Gauchão 2020 — Foto: Arte / ge



Veja também