O Grêmio terá de ajustar o que fazer com nove jogadores em retorno de empréstimo para encarar a Série B em 2022. Alguns nomes serão avaliados e observados durante a pré-temporada, enquanto outros, como Juninho Capixaba, já têm negociação engatilhada.

São nove atletas cedidos durante a temporada 2021 e que retomam seus contratos com o Grêmio a partir de agora. Ainda há casos como o do centroavante Ricardinho e do meia Thaciano, que seguem cedidos até junho de 2022 ao Marítimo, de Portugal, e Altay, da Turquia, respectivamente.

Juninho Capixaba

O Tricolor solicitou o retorno do lateral-esquerdo que estava emprestado ao Bahia, mas não deve utilizá-lo em 2022. O estafe de Capixaba já tinha, em setembro, um “clube grande” interessado no jogador.

Conforme apurou o ge, a negociação está engatilhada e deve evoluir nas próximas semanas. Assim, a tendência é que o lateral não permaneça. O vínculo com o clube gaúcho vai até fevereiro de 2023.

Juninho Capixaba atuou pelo Bahia em 2021 — Foto: Bruno Queiroz/ Divulgação/ EC Bahia

Juninho Capixaba atuou pelo Bahia em 2021 — Foto: Bruno Queiroz/ Divulgação/ EC Bahia

Phelipe Megiolaro

Outro que não deve ficar em 2022 é o goleiro, que estava cedido ao FC Dallas, dos Estados Unidos. Os empresários do atleta buscam negócios no mercado para ter um clube com oportunidades para jogar. Neste momento, Gabriel Grando e Brenno estariam à sua frente na hierarquia Tricolor.

Phelipe Megiolaro deixou o FC Dallas recentemente — Foto: Divulgação / FC Dallas

Phelipe Megiolaro deixou o FC Dallas recentemente — Foto: Divulgação / FC Dallas

Guilherme Azevedo

O jovem esteve no Coritiba em 2022 e participou da campanha do acesso à Série A. Foram 14 partidas disputadas na Série B, sem gol ou assistência.

Conforme o ge apurou com o estafe do atacante e o Grêmio, a intenção é permanecer no próximo ano e ajudar na tentativa de ascensão do Tricolor para a primeira divisão.

Guilherme Azevedo retorna ao Grêmio após empréstimo ao Coritiba — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Guilherme Azevedo retorna ao Grêmio após empréstimo ao Coritiba — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Matheus Frizzo

O volante participou da campanha do título do Botafogo na Série B e vai se reapresentar no Tricolor. Pretende buscar seu espaço no Grêmio na próxima temporada. O meio-campista trabalhou com o técnico Vagner Mancini rapidamente na passagem pelo Atlético-GO e tem experiência na competição.

Matheus Frizzo em jogo do Botafogo — Foto: Vitor Silva/Botafogo

Matheus Frizzo em jogo do Botafogo — Foto: Vitor Silva/Botafogo

Felipe

Emprestado para a Ponte Preta em 2022, o lateral-direito também irá se reapresentar para a próxima temporada. O cenário é de observar o jogador no dia a dia durante a pré-temporada e projetar uma briga por posição no elenco. Foram 37 jogos em Campinas, com um gol e uma assistência.

Felipe volta da Ponte Preta — Foto: Álvaro Jr/ PontePress

Felipe volta da Ponte Preta — Foto: Álvaro Jr/ PontePress

Michel

O volante tem contrato até o fim de 2022 e retornou ao clube após ser devolvido pelo Vasco. Michel pouco jogou no Rio de Janeiro por conta de dores no joelho esquerdo. Inclusive foi cogitada uma nova cirurgia. Ainda assim, tem data marcada para a reapresentação no Tricolor.

Michel em treino no Vasco — Foto: Rafael Ribeiro/Vasco.com.br

Michel em treino no Vasco — Foto: Rafael Ribeiro/Vasco.com.br

Isaque

Emprestado a Fortaleza e América-MG durante o ano, o meia-atacante tem situação indefinida para a próxima temporada. Foram sete jogos no Leão, com um gol e uma assistência, e apenas três partidas pelo Coelho, sem participação em gol.

Isaque atuou pela última vez no América-MG — Foto: Estevão Germano / América

Isaque atuou pela última vez no América-MG — Foto: Estevão Germano / América

Rildo

O meio-campista teve boa passagem pelo Brasil de Pelotas na Série B, apesar da lanterna e do rebaixamento para a terceira divisão nacional. A intenção do atleta é buscar uma nova opção de clube no mercado para jogar com frequência.

Patrick

O meia tinha um acerto com o Xavante para permanecer até o final do Gauchão, mas não assinou contrato. Ainda não há definição sobre o futuro do jogador.

Patrick quase ficou no Brasil de Pelotas — Foto: Volmer Perez/GEB

Patrick quase ficou no Brasil de Pelotas — Foto: Volmer Perez/GEB



Veja também