Grêmio tem jogadores livres para assinar pré-contrato

5 de julho de 2020 - Às 09:36

Titular do ataque e contratado no início de 2020, Diego Souza tem vínculo apenas por essa temporada e encabeça a lista. Mas outros nomes importantes também integram o quadro, como Thiago Neves e Marcelo Oliveira. Recentemente, o Tricolor renovou com o goleiro Brenno, que ficaria livre em dezembro.

  • Diego Souza

Chegou livre do mercado no início deste ano após passagem pelo Botafogo. É um dos reforços que mais deu resultado no campo. Os números provam: fez cinco gols em oito jogos em um total de 557 minutos em campo. Terminou como artilheiro na temporada antes da parada do futebol.

  • Julio Cesar

Anunciado em janeiro de 2019, o goleiro jogou 13 partidas das 73 do Grêmio na temporada e sofreu 13 gols. Em 2020, não foi escolhido por Renato. Perdeu espaço com a chegada de Vanderlei e fica atrás de Paulo Victor na hierarquia da posição. Não deve renovar. Recentemente chamou atenção de um clube espanhol, com a qual já poderia assinar pré-contrato.

  • Marcelo Oliveira

Há mais de um ano sem jogar, o lateral convertido em zagueiro está apto para retornar aos gramados. Tudo dependerá da avaliação da comissão técnica quando o futebol voltar. Rompeu três ligamentos do joelho direito em abril de 2019. Carrega liderança dentro do vestário e está no Grêmio desde 2015 — é um dos mais antigos dentro do elenco.

  • Thiago Neves

O camisa 10 busca retomar o bom futebol, mas não engrenou nas chances que recebeu até agora em 2020. O meia de 35 anos ganhou a sombra de Jean Pyerre, que retornou de lesão e já tem mais minutos em campo do que o camisa 10. Thiago marcou um gol em sete jogos e vai precisar correr atrás do tempo perdido quando o futebol retornar.

Thiago Neves meia Grêmio — Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Thiago Neves meia Grêmio — Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Caio Henrique era um dos seis jogadores do Grêmio com contrato expirando no final do ano. Porém, já está de volta ao Atlético de Madrid. Apesar do empréstimo de Orejuela encerrar em 2020, seu contrato com o Cruzeiro termina apenas em dezembro de 2023 e por isso ficou de fora dessa lista.



Veja também