O Grêmio adentra 2021 com mais um final à vista, a 10ª nos últimos quatro anos sob o comando de Renato Portaluppi. Mas o ano de 2020 não terminou exatamente da forma como começou e se desenhou diante da pandemia do coronavírus.

Em meio a uma reformulação no elenco, o Tricolor teve mais um título do Gauchão, apreensão econômica e uma nova eliminação com goleada na Libertadores.

A classificação para a decisão da Copa do Brasil encaminha um ambiente de otimismo para os próximos dois meses, ao passo que consolida a transição citada por direção e comissão técnica ao longo do ano que acabou.

Técnico Renato Portaluppi em meio à festa dos gremistas no Morumbi — Foto: Lucas Uebel/DVG/Grêmio

Técnico Renato Portaluppi em meio à festa dos gremistas no Morumbi — Foto: Lucas Uebel/DVG/Grêmio

Esta reformulação no grupo ocorre na maioria dos clubes de futebol. Mas é preciso salientar que, especificamente no Grêmio, o clube se mantém competitivo independentemente de quem veste o uniforme.

Entra ano, sai ano, o desempenho pode não se repetir e mesmo assim a equipe se mantém em posição de destaque.

— Claro que aconteceu a venda do Everton, foi extremamente importante para mantermos a solidez (financeira). Mas não dá para esquecer que mesmo assim estamos competindo. Os conceitos do clube estão presentes: o equilíbrio econômico, de formação, de sempre disputar. Estamos chegando porque competimos — reforçou o presidente Romildo Bolzan Júnior em entrevista após eliminar o São Paulo.

Com a transição agora consolidada pelos resultados, o Grêmio vai para sua 10ª final nos últimos quatro anos. Desde a chegada de Renato, o clube foi campeão da Copa do Brasil, Libertadores, Recopa Sul-Americana e três vezes do Gauchão.

> As nove finais do Grêmio nos últimos quatro anos:

  • Copa do Brasil (2016) – Atlético-MG 1×3 Grêmio / Grêmio 1×1 Atlético-MG – CAMPEÃO
  • Libertadores (2017): Grêmio 1×0 Lanús-ARG / Lanús-ARG 1×2 Grêmio – CAMPEÃO
  • Mundial (2017): Grêmio 0x1 Real Madrid – VICE-CAMPEÃO
  • Recopa Sul-Americana: Independiente 1×1 Grêmio / Grêmio 0(5)x(4)0 Independiente – CAMPEÃO
  • Gauchão (2018): Grêmio 4×0 Brasil-Pel / Brasil-Pel 0x3 Grêmio – CAMPEÃO
  • Gauchão (2019): Inter 0x0 Grêmio / Grêmio 0(3)x(2)0 Inter – CAMPEÃO
  • 1º turno gaúcho (2020): Caxias: 1×0 Grêmio – VICE-CAMPEÃO
  • 2º turno gaúcho (2020): Grêmio 2×0 Inter – CAMPEÃO
  • Gauchão (2020): Caxias 0x2 Grêmio / Grêmio 1×2 Caxias – CAMPEÃO

Grêmio segura o São Paulo e vai à final da Copa do Brasilhttps://tpc.googlesyndication.com/safeframe/1-0-37/html/container.html

As mudanças no elenco

De dezembro de 2019 até o fim de 2020, 19 jogadores saíram do clube, enquanto 10 foram contratados. Há mais nove garotos que subiram para a equipe principal: os laterais Vanderson e Guilherme Guedes, o zagueiro Ruan, o volante Lucas Araújo, os meias Isaque e Rildo e os atacantes Ferreira, Fabrício e Guilherme Azevedo.

A mudança no grupo fica ainda mais evidente com o fato de que apenas Geromel, Kannemann e Maicon são remanescentes do pentacampeonato da Copa do Brasil, em 2016. Do tri da Libertadores em 2017, soma-se só Bruno Cortez e Paulo Victor.

  • Quem saiu: Luan, Guilherme, Rafael Thyere, Kaio, Michel, Thonny Anderson, Léo Moura, Felipe Vizeu, Diego Tardelli, Rômulo, Rafael Galhardo, Capixaba, Madson, Marcelo Oliveira, André, Luciano, Everton Cebolinha, Caio Henrique e Thiago Neves.
  • Quem chegou: Vanderlei, Orejuela, Victor Ferraz, Diego Souza, Robinho, Everton, Luiz Fernando, Churín, Pinares e Diogo Barbosa.

— É mais uma prova que o trabalho é muito bom. Modificamos bastante o grupo, estamos contratando jogadores que o clube tem condições de contratar, formando os garotos que têm nos dado alegria. Mudamos, vendemos, vamos chegando o tempo todo. Sempre com os pés no chão — comemorou Renato Portaluppi.

Com a competitividade de volta, o desafio do Grêmio agora está posto: voltar a ser campeão de uma grande competição. Em fevereiro, enfrenta o Palmeiras na final da Copa do Brasil. Até lá, seguirá na disputa para subir na tabela do Brasileirão. De folga, o grupo se reapresenta na próxima segunda-feira.



Veja também