Grêmio sofre dois gols de pênalti e é derrotado pelo Santos

Tricolor segue sem decolar no Brasileirão

11 de outubro de 2020 - Às 17:59
Foto: Lucas Uebel

O Grêmio visitou o Santos na tarde deste domingo pela 15ª rodada do Brasileirão 2020 e acabou derrotado por 2 a 1, com dois gols de pênalti. Com o resultado, o Tricolor segue estacionado na tabela e não consegue decolar na competição.

Escalação inicial: Vanderlei, Orejuela, Paulo Miranda, David Braz, Bruno Cortez, Lucas Silva, Thaciano, Robinho, Luiz Fernando, Pepê, Diego Souza

PRIMEIRO TEMPO
O time da casa chegava mais ao ataque e buscava o gol. Aos 14, Kaio Jorge obrigou Vanderlei a fazer grande defesa.

Aos 19 minutos, após cruzamento, Paulo Miranda com o braço muito aberto, acabou cometendo pênalti. Marinho bateu e abriu o placar. Após o gol, o Grêmio passou a tentar chegar mais ao ataque.

O Tricolor chegou com muito perigo aos 31 minutos em cabeçada de Diego Souza, mas a bola saiu. Aos 33, o Santos respondeu e Jean Mota acertou a trave de Vanderlei. O jogo ficou aberto, Lucas Silva teve boa chance para o Grêmio enquanto Diego Pituca quase marcou para os donos da casa.

A etapa inicial se encerrou.

SEGUNDO TEMPO
Logo aos 5 minutos, o Santos chegou com perigo e Marinho acertou a trave em chute na área. A partida ficou sem grandes oportunidades, mas o Grêmio melhorou, chegando mais ao ataque enquanto o Santos recuou.

Aos 27 minutos, Diogo Barbosa fez boa jogada e encontrou Isaque, que abriu para Pepê. O camisa 25 rolou para a chegada de Diego Souza na entrada da área, que chegou batendo de primeira, no cantinho e marcando um belo gol para empatar o jogo.

Porém, logo aos 32, o VAR viu pênalti de David Braz em Marinho na área. O árbitro marcou. O atacante do Santos bateu deslocando Vanderlei e colocando o time da casa novamente em vantagem.

O Tricolor tentou reagir e aos 51 minutos, Maicon pegou sobra da entrada da área e bateu colocado, o goleiro João Paulo fez grande defesa, salvando o Santos e garantindo o resultado para o time paulista.



Veja também