O Grêmio acumula sete vitórias seguidas em 2020 e repetiu uma série que só ocorreu duas vezes nos últimos 10 anos. Porém, o próximo recorde à vista do time de Renato Portaluppi é ainda mais árduo. Tentará chegar a 15 jogos consecutivos com vitória, marca atingida com o técnico Silas, em 2010.

O sétimo triunfo consecutivo veio no último sábado, com o 4 a 2 aplicado no Ceará, na Arena, pela 21ª rodada do Brasileirão. São também 10 jogos de invencibilidade. O Tricolor não perde há mais de um mês, quando acabou batido pelo Santos na Vila Belmiro.

Apenas duas vezes nos últimos 10 anos o Grêmio venceu sete jogos seguidos. A primeira delas foi em 2012, sob o comando de Vanderlei Luxemburgo, e a outra com Luiz Felipe Scolari, em 2015 (veja abaixo).

  • Vanderlei Luxemburgo (2012): Cerâmica 1×2 Grêmio (Gauchão); River Plate-SE 2×3 Grêmio (Copa do Brasil); Grêmio 5×0 Novo Hamburgo (Gauchão); Veranópolis 1×4 Grêmio (Gauchão); Grêmio 3×1 River Plate-SE (Copa do Brasil); Cruzeiro-RS 1×2 Grêmio (Gauchão); e Grêmio 4×0 Avenida (Gauchão).
  • Luiz Felipe Scolari (2015): Grêmio 3×1 Caxias (Gauchão); Ypiranga 0x1 Grêmio (Gauchão); Grêmio 1×0 Cruzeiro-RS (Gauchão); Grêmio 2×0 Lajeadense (Gauchão); Novo Hamburgo 0x1 Grêmio (Gauchão); Grêmio 2×0 São Paulo-RS (Gauchão); e Campinense 1×2 Grêmio (Copa do Brasil).
  • Renato Portaluppi (2020): Athletico-PR 1×2 Grêmio (Brasileirão); Grêmio 1×0 Juventude (Copa do Brasil); Grêmio 2×1 Bragantino (Brasileirão); Juventude 0x1 Grêmio (Copa do Brasil); Fluminense 0x1 Grêmio (Brasileirão); Cuiabá 1×2 Grêmio (Copa do Brasil); Grêmio 4×2 Ceará (Brasileirão).
Grêmio vence o Ceará e chega a sete vitórias seguidas em 2020 — Foto: Lucas Uebel/DVG/Grêmio

Grêmio vence o Ceará e chega a sete vitórias seguidas em 2020 — Foto: Lucas Uebel/DVG/Grêmio

A oitava vitória pode ocorrer já quarta-feira, a partir das 16h30, quando o Grêmio recebe o Cuiabá na Arena pelo jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil. O Tricolor venceu a ida por 2 a 1 e se classifica com qualquer empate.

Há um recorde mais distante que o Grêmio pode bater ainda nesta temporada. Em 2010, Silas engatou 15 vitórias seguidas em um intervalo de dois meses. Apesar disso, ele foi demitido em agosto e substituído por Renato, que iniciava sua primeira passagem como técnico no clube.

A sequência atual de resultados positivos aparece na hora certa. Ao menos é o que pensa o técnico Renato Portaluppi, que, aliás, tem um objetivo bem claro para o restante da temporada.

– A perfeição ninguém atinge. Fico feliz que na hora certa o Grêmio está subindo de produção. Precisamos melhorar ainda mais. Continuar conquistando vitórias e ir o mais longe possível nas competições. O objetivo é conquistar mais um título – disse o treinador após a vitória contra o Ceará.

Renato começou a preparar o time que encara o Cuiabá na tarde de segunda-feira, no CT Luiz Carvalho. O time encerra a preparação com um treino nesta terça. O jogo de volta das quartas de final da Copa do Brasil ocorre às 16h30 de quarta, na Arena.

As 15 vitórias seguidas do Grêmio em 2010:

  • 07/02 – Canoas 1×5 Grêmio (fase de grupos Gauchão)
  • 10/02 – Araguaia 1×3 Grêmio (1ª fase Copa do Brasil)
  • 13/02 – Grêmio 2×1 São José (fase de grupos Gauchão)
  • 17/02 – Grêmio 4×2 Veranópolis (quartas Gauchão)
  • 20/02 – Grêmio 4×1 Inter-SM (semifinal Gauchão)
  • 28/02 – Grêmio 1×0 Novo Hamburgo (final Gauchão)
  • 03/03 – Avenida 1×3 Grêmio (fase de grupos Gauchão)
  • 06/03 – Grêmio 1×0 Porto Alegre (fase de grupos Gauchão)
  • 14/03 – Grêmio 3×0 Inter-SM (fase de grupos Gauchão)
  • 17/03 – Votoraty 0x1 Grêmio (2ª fase Copa do Brasil)
  • 21/03 – Ypiranga 1×3 Grêmio (fase de grupos Gauchão)
  • 25/03 – Grêmio 2×1 Novo Hamburgo (fase de grupos Gauchão)
  • 28/03 – Grêmio 2×0 Esportivo (fase de grupos Gauchão)
  • 01/04 – Grêmio 3×0 Votoraty (2ª fase Copa do Brasil
  • 04/04 – Juventude 1×2 Grêmio (fase de grupos Gauchão)


Veja também