O Grêmio renovou o contrato com o atacante Pepê na tarde desta segunda-feira. O jogador já assinou o novo vínculo com o clube gaúcho, que foi ampliado até dezembro de 2024.

O jovem de 23 anos havia renovado em 2018 e tinha acordo até o final de 2022 com o Tricolor. O clube valorizou o momento vivido pelo atleta e aumentou ainda mais o vínculo. O jovem também ganhou uma valorização financeira.

— Pepê é uma de nossas joias raras de formação e, além de ser muito promissor e ter chegado à seleção pré-olímpica, é um goleador nato. Foi um de nossos artilheiros em 2019 mesmo sem gozar da titularidade da equipe e está apto de assumir a condição de protagonista — disse o vice de futebol Paulo Luz para o site gremista.

Klauss Câmara, Pepê e empresário Adriano Spadotto — Foto: Arquivo Pessoal

Klauss Câmara, Pepê e empresário Adriano Spadotto — Foto: Arquivo Pessoal

Em 2020, Pepê se destacou com a camisa do Brasil na disputa do Pré-Olímpico, na Colômbia. Foram três gols marcados na competição em seis partidas. Pelo Grêmio, são dois gols anotados no Gauchão. Na temporada passada, mesmo reserva, Pepê fez 13 gols e foi o vice-artilheiro gremista.

— Essa renovação é importante porque consolida o trabalho de reconhecimento do clube e valorização pela performance do jogador dentro de campo. É a valorização no momento certo, depois da demonstração em campo do Pepê, com suas atuações e números atingidos vestindo a camisa do Grêmio — comentou Klauss Câmara.

Pepê é um dos jogadores valorizados no elenco gremista e procurados por alguns clubes europeus. Já disputou 91 jogos com a camisa tricolor e marcou 18 gols. O Wolfsburg, da Alemanha, por exemplo, manifestou interesse no atleta, assim como Porto, de Portugal.

Pepê em treino do Grêmio — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Pepê em treino do Grêmio — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Antes, o Bayern de Munique iria receber o empresário do atacante em abril, mas o encontro foi cancelado por conta da pandemia. Outras equipes europeias, como Roma, da Itália, e Ajax, da Holanda, também já haviam feito algum tipo de sondagem.

O Grêmio precisa vender atletas para fechar as contas de 2020, mesmo após negociar o volante Diego Rosa, e tem 70% dos direitos econômicos de Pepê. Além do atacante, o clube também tem possibilidade de negociar Everton, o que abriria espaço justamente para Pepê no time titular.



Veja também