Os primeiros movimentos pós-rebaixamento no Grêmio tomaram forma. A diretoria trabalha agora nas mudanças dentro do elenco para a temporada de 2022. A busca é por pelo menos cinco reforços para a disputa da Série B, ao mesmo tempo que algumas saídas serão efetuadas nos próximos dias.

A busca por jogadores no mercado já começou. O vice de futebol Denis Abrahão revelou, em entrevista coletiva na segunda-feira, contatos com algumas possibilidades listadas das quais ouviu respostas positivas e negativas. Todos os setores do time serão reforçados.

O dirigente ironizou o uso do termo “mudança de fotografia” em uma pergunta, mas admitiu que prepara para esta semana definições com saídas de jogadores do atual elenco. A folha salarial precisa ser reduzida de cerca de R$ 15 milhões para algo na casa dos R$ 7 milhões.

– Diria que estou tratando com profissionais de futebol. Muitos jogadores deixarão o clube, alguns serão contratados. É isso que vai acontecer. Será bastante o número de mudanças no plantel, sem dúvida alguma – reconheceu o vice de futebol.Estamos trabalhando em todos os mercados, com contatos feitos, algumas respostas assertivas, outras negativas, já descartamos alguns.— Denis Abrahão, vice de futebol

O Grêmio tem nomes com contrato até o fim de 2022 que estão fora dos planos e são caros, casos do zagueiro Paulo Miranda e do atacante Everton. A diretoria tenta armar a melhor maneira de administrar as situações, embora não descarte propor rescisões.

Outros nomes como Cortez, Rafinha e Diego Souza serão reavaliados pelo departamento. Os três têm contrato por encerrar ao fim do ano.

Técnico Vagner Mancini foi apresentado junto de Denis Abrahão e seguirá em 2022 — Foto: Lucas Uebel/DVG/Grêmio

Técnico Vagner Mancini foi apresentado junto de Denis Abrahão e seguirá em 2022 — Foto: Lucas Uebel/DVG/Grêmio

Abrahão apenas afirmou que iria analisar os nomes mais experientes, sem apontar nenhum cenário provável. Antes da definição da permanência do departamento de futebol, a saída do trio era dada como certa nos bastidores.

O atacante Douglas Costa também tem saída provável a partir do seu alto custo e das polêmicas recentes. O Grêmio espera negociá-lo no mercado para não arcar com o atleta durante o ano de 2022.

Os próximos dias prometem intensa movimentação nos gabinetes. As definições começam nesta terça-feira. Desde domingo, o Grêmio confirmou o vice de futebol Denis Abrahão no cargo, garantiu a sequência ao técnico Vagner Mancini e demitiu o coordenador Marcelo Oliveira e o auxiliar Thiago Gomes.



Veja também