Grêmio pode usar força máxima contra o Vasco da Gama

Grupo ficará no Rio de Janeiro até o dia 14, um dia após enfrentar o Botafogo

5 de setembro de 2017 - Às 12:05
Foto: Lucas Uebel

Se o Grêmio entrará em campo com os titulares na partida diante do Vasco, sábado, pelo Campeonato Brasileiro, só Renato Portaluppi pode revelar. Mas pelo planejamento traçado pela comissão técnica, essa possibilidade será levada em consideração. O grupo viaja já na quinta-feira para o Rio de Janeiro, onde fica até o dia 14, um dia após o jogo com o Botafogo na Libertadores. O treinador quer concentração máxima para as duas próximas partidas da equipe.

“Difícil falar como vamos jogar no sábado. Teremos tempo para recuperar até a outra quarta-feira. Eu estou apto e me coloco totalmente à disposição. Estou com muita vontade de jogar contra o Vasco, são dois jogos importantíssimos”, destaca o lateral Edílson.

“Se ganharmos (sábado) baixamos a diferença para quatro pontos e aí esperamos para ver o que vai acontecer entre Corinthians e Santos (jogam no domingo). Podemos criar uma pressão para o Corinthians”, acrescenta o jogador. A goleada sobre o Sport deu um novo ânimo ao Grêmio na briga pelo título do Brasileirão.

A delegação que vai ao Rio será mais numerosa do que o habitual, já que as opções de escalar um time misto ou totalmente reserva também estão sendo cogitadas.

“Pretendemos manter um foco maior no Brasileiro para quando chegar o jogo do segundo turno com o Corinthians nós possamos estar bem próximos deles. Eles estão oscilando e nós temos que aproveitar a chance”, concluiu Edílson. As duas equipes jogam na 29ª rodada.



Veja também