Foto: Reprodução

O Grêmio visitou o Ceará na noite deste domingo pela 5ª rodada do Brasileirão e acabou derrotado por 2 a 1. Ricardinho e Michel (contra) marcaram para os mandantes enquanto Everton descontou. Com o resultado, o Grêmio segue sem vencer no Brasileirão, com dois pontos em 19º.

Escalação inicial: Paulo Victor, Leonardo, Geromel, Michel, Juninho Capixaba, Rômulo, Matheus Henrique, Alisson, Thaciano, Everton e André.

PRIMEIRO TEMPO
O Ceará iniciou a partida buscando o ataque e indo para cima do Grêmio. E aos 10 minutos, após cruzamento rasteiro para a entrada da área, Thiago Galhardo ajeitou para Ricardinho que bateu de primeira, no canto, sem chances para Paulo Victor.

O Tricolor não conseguia chegar com perigo ao ataque, errando muitos passes. O Ceará ampliou em contra-ataque aos 23. Após corrida de Sobral e lançamento para Thiago Galhardo, o meia cruzou rasteiro na área e Michel tocou contra o próprio gol, marcando mais um gol contra.

Aos 28, enfim a primeira grande chance do Grêmio. Matheus Henrique fez fila, avançou e bateu da entrada da área, mas o goleiro salvou. O Tricolor reagiu aos 30 minutos com Everton que acertou um belo chute de perna esquerda da entrada da área no canto, descontando para o Tricolor.

O Ceará recuou e o Grêmio foi para o ataque, mas o empate não saiu e a primeira etapa se encaminhou para o final.

SEGUNDO TEMPO
O time da casa voltou mais ofensivo buscando não deixar o Grêmio atacar para conseguir o empate e teve boa chance com Bergson logo aos 2 minutos, mas o chute foi para fora, com perigo.

O Tricolor partiu para o ataque em busca do empate. Aos 20 minutos, após cruzamento na área, Alisson cabeceou e o goleiro Diogo Silva fez grande defesa, salvando o time da casa.

Aos 25, Renato colocou Marinho no lugar de Rômulo, deixando o time ainda mais ofensivo. Pouco depois, Vizeu entrou no lugar de André. Mas o Grêmio tinha muita dificuldade no ataque, sem conseguir claras chances de gol.

O jogo era de muitas faltas e muitos cartões amarelos, o que deixava a partida truncada com lançamentos diretamente da defesa para a o ataque. O Tricolor buscou pressionar até o fim, mas sem sucesso e o jogo se encaminhou ao final.



Veja também