Foto: Daniel Coelho

O Grêmio visitou o Cruzeiro na noite desta segunda-feira pelo encerramento da 8ª rodada do Brasileirão e empatou por 3 a 3 em um grande jogo. O Tricolor ficou na frente duas vezes, mas não conseguiu segurar o placar. No fim, o Grêmio ainda teve várias chances para marcar, mas não conseguiu finalizar bem.

O resultado deixa o Grêmio com 19 pontos ainda na vice-liderança.

Escalação inicial: Marcelo Grohe; Edílson, Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Michel, Arthur, Ramiro; Pedro Rocha e Everton; Luan.

PRIMEIRO TEMPO
O time do Cruzeiro começou a partida pressionando, como era de se esperar. Logo aos 4 minutos, Alisson chutou uma bola na trave. Aos 15, no entanto, Luan cobrou escanteio, Kannemann desviou, a bola bateu na trave mas Everton pegou a sobra e empurrou para as redes.

O jogo era bastante corrido. O Grêmio também atacava e não se defendia apenas. Aos 36, o Tricolor saiu em contra-ataque com quatro jogadores contra um defensor e incrivelmente não conseguiu aproveitar. Aos 37 minutos, o time do Cruzeiro teve outra boa chance, mas Alisson novamente acertou a trave. Como quem não faz toma, aos 41 minutos Everton bateu cruzado e Michel apareceu na segunda trave para ampliar.

De tanto insistir, o Cruzeiro chegou ao gol com Thiago Neves aos 45 minutos, aproveitando cruzamento na área e chutando cruzado. O Tricolor ainda teve grande chance com Everton aos 47, mas o goleiro Fábio salvou.

SEGUNDO TEMPO
Logo no começo da segunda etapa, o time da casa chegou ao empate. Logo aos 3 minutos, Thiago Neves encontrou Rafael Sóbis livre dentro da área que dominou e bateu cruzado, empatando a partida.

O jogo continuou bastante corrido e aos 14 minutos, Luan deu lançamento para Pedro Rocha na área que bateu, Fábio espalmou mas Ramiro apareceu livre para desempatar novamente. Mas, não deu nem tempo para comemorar. Aos 17, Robinho recebeu na área e bateu, a bola desviou e entrou no canto de Grohe.

Aos 34 minutos, Luan deu passe sensacional para Ramiro que apareceu livre na área, mas tocou de cabeça para fora, perdendo chance impressionante. Aos 38, Everton recebeu cruzamento e cabeceou no canto, o goleiro Fábio salvou.

Aos 41 minutos, Edílson cobrou falta, a bola tocou na barreira mas Ramiro pegou a sobra e chutou cruzado, Fernandinho apareceu na segunda trave e de carrinho mandou para fora, perdendo grande chance com gol vazio.

A partida se encaminhou ao final, se encerrando aos 49 minutos.



Veja também