O Grêmio está no mercado em busca de qualificar o elenco. Um dos alvos do clube gaúcho é o atacante Keno, do Atlético-MG. Conforme apurou o ge, o Tricolor fez uma proposta ao Galo, que bate o pé e não quer liberar o jogador.

O Tricolor ofereceu inicialmente US$ 2 milhões (R$ 10,4 milhões) e ainda subiu a proposta para US$ 3 milhões (R$ 15,7 milhões). Mas o Atlético-MG tem a intenção de manter o atacante para o restante da temporada.

O Grêmio pensou no jogador como reposição à saída encaminhada de Ferreira, que não se concretizou. No entanto, mantém o interesse no atacante de 31 anos mesmo após a reviravolta no caso do atacante.

Keno, do Atlético-MG — Foto: Pedro Souza / Atlético-MG

Keno, do Atlético-MG — Foto: Pedro Souza / Atlético-MG

Keno só fez cinco partidas no Campeonato Brasileiro e, portanto, está livre para atuar por outra equipe na Série A.

Em outras temporadas, o Tricolor já havia pensado na contratação do atacante, antes da chegada ao Galo. Keno foi pedido de Renato Portaluppi para reforçar o elenco quando estava por sair do Egito e voltar ao Brasil.

Keno atualmente se recupera de lesão muscular na coxa esquerda e está fora de ação desde o início de julho. A última partida como titular do atacante foi na derrota para o Santos, no dia 27 de junho.



Veja também