Foto: Divulgação/ Coritiba

O Grêmio resolveu a pendência com o atacante Kleber Gladiador na Justiça, após atraso em uma das parcelas da dívida gremista com o jogador do Coritiba. Em acordo judicial, ficou acertado o pagamento de R$ 1,2 milhão, metade da multa prevista em contrato. O Tricolor também chegou a um acerto com o Avaí por Dionathã, que estreou pelo clube no Brasileirão contra o Botafogo.

A situação com Kleber ocorreu após um atraso no pagamento da dívida do clube com o jogador. Os advogados do atacante foram à Justiça cobrar o pagamento de R$ 8,8 milhões à vista, conforme previsto no acordo anterior. Na Justiça, as partes discutiram e chegaram ao consenso para manter o parcelamento e o pagamento de R$ 1,2 milhão pelo atraso nas prestações.

Assim, a situação está encaminhada sem novo litígio. O Grêmio manteve neste período os pagamentos mensais previstos ao atacante de pouco mais de R$ 120 mil. Em 2015, ficou acertado o parcelamento em 60 vezes. A situação, assim, está encerrada.

Acordo com o Avaí

O mesmo vale para a discussão na Justiça entre o Grêmio e o Avaí pelo atacante Dionathã. O jogador veio para o Tricolor com 15 anos, por empréstimo do clube catarinense, mas acabou ficando em definitivo. O Avaí cobrava na Justiça uma dívida de R$ 23 milhões. As duas equipes chegaram a um acordo por R$ 2,8 milhões a serem pagos parcelados.

Dionathã fez sua estreia com a camisa do Grêmio na rodada passada do Brasileirão, quando entrou no segundo tempo na derrota por 1 a 0 para o Botafogo, no Engenhão. Ele se destacou na Copa São Paulo deste ano e foi pinçado por Renato para o elenco profissional há algumas semanas. Ficou no banco quatro rodadas, contra Atlético-MG, Atlético-GO, Flamengo e Palmeiras.



Veja também