O Grêmio encerrou o primeiro trimestre de 2021 com superávit. O balanço foi apresentado na noite desta segunda-feira, em reunião virtual do Conselho Deliberativo do clube. 

Conforme os números apresentados, a receita bruta do futebol foi de R$ 125 milhões, com custo de cerca de R$ 89 milhões. O superávit líquido dos primeiros três meses do ano foi de mais de R$ 19 milhões.

O presidente Romildo Bolzan Jr. destacou os bons resultados da gestão no período, afirmando que o clube segue em uma posição “segura e saudável” financeiramente. “Nossa espectativa é terminar o ano com superávit, dentro da nossa política de responsabilidade, mas com capacidade de competição dentro da estratégia do Clube que diz respeito a sua sobrevivência”, afirmou.

Dentro de campo, o Grêmio enfrenta o Brasiliense na Arena, nesta quarta-feira, às 16h30min, pelo jogo de ida da terceira fase  da Copa do Brasil. No domingo, também em casa, enfrenta o Santa Cruz, pela final da Recopa Gaúcha.

Calçada da fama

O encontro online também definiu a aprovação de novos nomes para a Calçada da fama. O goleiro Galatto e o atacante Osvaldo vão deixar suas marcas no memorial da Arena. 

O colegiado também decidiu o acréscimo do ex-técnico Luiz Felipe Scolari e o do ex-presidente Luiz Carlos Silveira Martins, o Cacalo. O ato, com a presença dos quatro, deve acontecer na programação de aniversário, em setembro. 



Veja também