Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Sobram motivos para o Grêmio comemorar a vitória por 2 a 1 no Gre-Nal de domingo, no Beira-Rio, pelo jogo de ida da final do Gauchão. Mas um tema em específico fez o clube vibrar: terminar o clássico com oito jogadores formados ou com passagem pelas categorias de base do clube.

O técnico Tiago Nunes promoveu apenas quatro trocas no duelo, todas com inserções de garotos. Entararam Léo Pereira, Darlan, Fernando Henrique e Ricardinho, e saíram Luiz Fernando, Maicon, Lucas Silva e Diego Souza, respectivamente.

Os oito jogadores formados pelo clube e que terminaram o Gre-Nal foram: Brenno, Ruan, Fernando Henrique, Darlan, Matheus Henrique, Léo Pereira, Ferreira e Ricardinho.

O elenco do Grêmio tem hoje 40 jogadores, contabilizando atletas que não estrearam na temporada, mas estão inscritos nas competições. Desse montante, 19 deles são garotos formados pelo clube. Ou seja, quase 50%.

– Tivemos uma particularidade, terminamos o clássico com oito jogadores formados na casa. Isso é difícil acontecer e mostra o trabalho. Todo treinador gosta e quer ter um grupo grande, mas procuro valorizar quem está á disposição. Quem entra em campo tem a mesma importância dos qee ficaram fora. Temos que a cada jogo entender que o time vai mudar, pela sequência, desgaste, lesões. Importante é manter uma regularidade e performance – afirmou Tiago Nunes.

Grêmio venceu o Gre-Nal no Beira-Rio — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Grêmio venceu o Gre-Nal no Beira-Rio — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Para o vice de futebol Marcos Hermann, o fato que chama a atenção é apenas o resultado de um projeto já desenhado pelo presidente Romildo Bolzan desde que o mandatário assumiu a presidência do clube. E que deve se aprofundar.

— Temos um elenco grande, fundamentalmente é formado por oriundos da base, isso mostra a nossa confiança nos meninos. Isso foi uma linha estratégica do Romildo de aproveitar a base e o resultado agora está aí. A meninada tem imenso potencial. O que não nos exime da contratação de jogadores, incluindo o Douglas Costa, que precisamos fazer — comentou o dirigente.

O trabalho com a garotada segue. Tanto é que o elenco se reapresenta às 15h30 desta segunda-feira no CT Luiz Carvalho. Muitos dos jovens devem ser aproveitados no próximo jogo diante do Aragua, na Venezuela, na quinta, pela Sul-Americana, para poupar alguns jogadores para a final do Gauchão.



Veja também