A crise por conta da pandemia do coronavírus fará o Grêmio mudar o planejamento do ano para as categorias de base. O clube gaúcho irá diminuir quase a zero as excursões dos jovens e terá menos competições para disputar durante a temporada.

As obras de revitalização que estavam em andamento no CT Hélio Dourado também serão retomadas na próxima semana. O clube aguarda um novo cronograma para manter o prazo de conclusão.

Time sub-19 do Grêmio em excursão recente à Argentina — Foto: Rodrigo Fatturi / Grêmio F.B.P.A.

Time sub-19 do Grêmio em excursão recente à Argentina — Foto: Rodrigo Fatturi / Grêmio F.B.P.A.

O Grêmio trabalha com custo de R$ 23 milhões anuais para as categorias de base. Mas esta quantia precisará diminuir por conta do rearranjo do orçamento do clube. As excursões pelo continente, praxe nos últimos anos, serão reduzidas a quase zero.

O número de torneios disputados ainda depende do calendário a ser definido pela CBF. Mas a intenção é ajudar o clube a diminuir as despesas e se manter forte. Os cortes serão na casa dos 30%.

Obras em Eldorado serão retomadas

Em setembro de 2019, o Grêmio lançou a pedra fundamental e deu início às obras de reforma do Centro de Treinamentos Presidente Hélio Dourado, em Eldorado do Sul, na região metropolitana de Porto Alegre, usado essencialmente pela base.

Imagem de projeto das obras do CT Hélio Dourado, do Grêmio — Foto: Arquivo Pessoal

Imagem de projeto das obras do CT Hélio Dourado, do Grêmio — Foto: Arquivo Pessoal

Com o início do isolamento social por conta do novo coronavírus, os trabalhos foram suspensos em virtude de decreto municipal. Mas a partir do início da próxima semana a parceira do clube irá retomar as atividades no local com efetivo reduzido.

Pelo tempo parado e restrições de trabalho, o Grêmio solicitou um novo cronograma de execução das obras à empresa responsável. A intenção, entretanto, é manter o prazo de conclusão para novembro de 2020.

— Estamos discutindo com a empresa para que ela reapresente um cronograma de execução para recuperar e assegurar a conclusão das obras até o final do ano. Uma força tarefa — destaca o diretor-geral da base, Gustavo Schmitz, ao GloboEsporte.com.

Últimas imagens das obras divulgadas pelo Grêmio são de janeiro deste ano — Foto: Rodrigo Fatturi/DVG/Grêmio

Últimas imagens das obras divulgadas pelo Grêmio são de janeiro deste ano — Foto: Rodrigo Fatturi/DVG/Grêmio

As obras do CT

  • Alojamento com 2 pavimentos e 710m²
  • 20 dormitórios para entre 60 e 120 atletas
  • 2 salas de jogos
  • Prédio da saúde com 584m²
  • Academia
  • Fisioterapia
  • Departamento médico
  • 4 vestiários para atletas
  • Vestiário para comissão técnica
  • Refeitórios e cozinha


Veja também