Grêmio deve firmar acordo com Globosat por direitos de transmissão até 2024

Novo acordo renderá ao Grêmio R$ 100 milhões, valor muito superior ao do atual contrato

15 de março de 2016 - Às 17:33
Foto: Lucas Uebel
Foto: Lucas Uebel

Após ter recusado o Esporte Interativo, o Grêmio deve oficializar nas próximas semanas um acerto com a Globosat pelos direitos de transmissão da TV fechada no período entre 2019 e 2024. O novo acordo renderá muito mais benefícios ao Grêmio do que o contrato atual, superando inclusive o contrato firmado entre a emissora e o São Paulo.

O Tricolor deverá receber cerca de R$ 100 milhões, sendo R$ 70 milhões à vista e o restante pago durante os anos de transmissão. Esta negociação se estende desde o ano passado e rendeu muito trabalho ao presidente Romildo Bolzan. O novo contrato praticamente vai dobrar o que o clube já recebe do contrato atual.

O valor recebido por ano irá variar com o repasse do valor das placas de publicidade, percentual para o acordo de transmissão dos jogos para os smartphones e o índice técnico do Brasileirão. A expectativa é de que o Grêmio receba entre R$ 110 milhões e R$ 120 milhões por ano.



Veja também