O Grêmio acertou a contratação do volante Pepê na tarde desta sexta-feira. O clube gaúcho aumentou a proposta para o Cuiabá e superou detalhes para concretizar o negócio, que agora precisa ser formalizado. O próximo passo é o jogador passar por exames médicos para posterior assinatura de contrato.

A vontade do meio-campista pesou para a decisão do Dourado. O departamento de futebol gremista mudou a oferta e aumentou os valores para o Cuiabá. O clube de Mato Grosso aceitou. A primeira investida envolvia um jogador, mas foi rechaçada. O contrato do meio-campista ainda está em discussão, mas será de três ou quatro anos.

Os valores da transferência ainda são mantidos em sigilo. Os direitos econômicos de Pepê são divididos em 80% para o Cuiabá e 20% para o Flamengo. O Tricolor compôs um percentual dos direitos e não adquirirá a totalidade, conforme apurou o ge.

A vontade do volante de atuar no Grêmio foi crucial para o Cuiabá aceitar a oferta. Desde os primeiros contatos, o atleta se mostrou interessado no projeto do clube gaúcho e conversou com os dirigentes do Dourado para fechar o negócio.

Pepê Cuiabá x Bragantino, na última partida antes da lesão — Foto: AssCom Dourado

Pepê Cuiabá x Bragantino, na última partida antes da lesão — Foto: AssCom Dourado

O jogador de 24 anos foi revelado pelo Flamengo e tem passagem pelo Portimonense, de Portugal. Chegou no Cuiabá em 2021, é considerado peça importante na permanência do time na Série A do Brasileiro nas últimas duas temporadas.

Em 2022, o meia jogou em 43 partidas e fez dois gols. No total, disputou 77 jogos com a camisa do Dourado e balançou a rede cinco vezes.



Veja também