Depois de passar pelo São Paulo e garantir vaga na final da Copa do Brasil, o elenco do Grêmio curte os primeiros quatro dias de descanso de fato após cinco meses. Será o tempo necessário para recarregar energias e iniciar a preparação a um mês decisivo no Brasileirão, com disputa pelo G-4 e, quem sabe, título.

Com a pandemia do coronavírus, o futebol voltou oficialmente ao Rio Grande do Sul no dia 22 de julho. Na ocasião, o Grêmio venceu o Inter por 1 a 0 pela 4ª rodada do segundo turno do Gauchão.

De lá até o empate em 0 a 0 com o São Paulo, pelo jogo de volta da semifinal da Copa do Brasil, o Grêmio passou mais de cinco meses (exatos 161 dias) sem uma semana cheia para treinos. Ao longo deste período, foram 47 partidas, com 23 vitórias, 18 empates e seis derrotas.

Vale ressaltar: nem todos os jogos foram com titulares. Na atual temporada, Renato tem poupado menos jogadores do que em outros anos. Por vezes usa dois ou três atletas considerados do time principal, geralmente Matheus Henrique, Pepê e Darlan.

Jogadores do Grêmio desembarcam de avião após mais uma viagem na temporada — Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Jogadores do Grêmio desembarcam de avião após mais uma viagem na temporada — Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

O Grêmio deu folga ao elenco de quinta-feira até as 14h da próxima segunda, quando se reapresenta no CT Luiz Carvalho. Na quarta, o time tem compromisso diante do Bahia na Arena, às 19h15, pela 28ª rodada do Brasileirão.

Após os quatro dias de descanso, Renato terá apenas dois para ajustar a equipe. De fato, o tempo disponível para treino não será diferente dos últimos meses. Entretanto, o clube entende que a pausa para aproveitar a virada de ano é um prêmio aos jogadores.

– Está todo mundo cansado. Estávamos em três competições, vivemos dentro de avião e hotel. Merecido ter os dias de folga. Apesar desse ano triste para o mundo todo, a gente podia dar a alegria como demos hoje (quarta). Vamos poder brindar com muita alegria esses poucos momentos felizes do ano – destacou Renato após a classificação sobre o São Paulo.

Nova maratona

A partir de segunda, não haverá mais tempo para lamentações. O Grêmio adentra 2021 com outra maratona à vista. Apenas no mês de janeiro serão sete jogos – todos pelo Campeonato Brasileiro.

Grêmio em janeiro

  • 06/01, às 19h15, : Grêmio x Bahia (28ª rodada do Brasileirão)
  • 09/01, às 21h: Fortaleza x Grêmio (29ª rodada do Brasileirão)
  • 15/01, às 21h30: Palmeiras x Grêmio (30ª rodada do Brasileirão)
  • 20/01, às 19h15: Grêmio x Atlético-MG (31ª rodada do Brasileirão)
  • 24/01, às 16h: Inter x Grêmio (32ª rodada do Brasileirão)
  • 27/01, às 19h: Grêmio x Flamengo (33ª rodada do Brasileirão)
  • 31/01, às 16h: Coritiba x Grêmio (34ª rodada do Brasileirão)

Dos confrontos, o Tricolor enfrentará três adversários que lutam contra o rebaixamento (Fortaleza, Bahia e Coritiba) e outros quatro que disputam o topo da tabela (Atlético-MG, Flamengo, Inter e Palmeiras).

Há ingredientes especiais, como o clássico Gre-Nal em que defenderá uma invencibilidade de 11 jogos e a prévia da final da Copa do Brasil contra o Palmeiras.

Enquanto a segunda-feira não chega, os tricolores têm mais um dia de sombra e água fresca. O 2021 do Grêmio começa na próxima quarta, às 19h15, quando enfrenta o Bahia, na Arena, no primeiro jogo da maratona pelo Brasileirão. A equipe ocupa a quinta colocação com 45 pontos.



Veja também