Grêmio apenas empata com Flamengo e perde a chance de encostar nos líderes

16 de setembro de 2012 - Às 23:26
Pela 25ª rodada, o Grêmio viajou ao Rio de Janeiro enfrentar o Flamengo, e acabou empatando por 1 a 1, perdendo ótima chance de encostar nos líderes, que foram derrotados na rodada. Moreno marcou para o Grêmio, enquanto Adryan empatou. O Grêmio chegou aos 48 pontos e segue em 3º, há cinco do líder Fluminense.
Foto: UOL – Editada Sangue Azul

A partida começou com as equipes mantendo a posse de bola, porém com muitos passes errados, o que dificultava a criação das jogadas. O Grêmio também não conseguia chegar com perigo, e teve a primeira chance apenas aos 16 minutos, quando Marco Antônio chutou de fora da área e obrigou Felipe a fazer ótima defesa.

No minuto seguinte, Elano dominou e lançou Marcelo Moreno, que na cara do gol, deu um toque por cima do goleiro, encobrindo Felipe e abrindo o placar. O time do Flamengo ficou mais ofensivo, isso por que o Grêmio ficou mais defensivo. Aos 24, Liédson quase marcou ao acertar o travessão em chute de dentro da área.
O time carioca continuou mais presente no ataque e o Grêmio já administrava a partida, sem atacar o time da casa. O primeiro tempo se encerrou com o Flamengo com mais posse de bola, porém com poucas chances criadas.
No segundo tempo, o Flamengo teve a ‘garotada’ em campo, e a torcida, que compareceu em bom número, apoiou o time, que continuou atacando o Grêmio. E a pressão acabou dando resultado. Aos 16 minutos, Adryan cobrou falta com categoria por cima da barreira, sem chances para Grohe, empatando o jogo.


A time do Flamengo continuou melhor na partida. O técnico Dorival colocou mais um garoto em campo deixando o time da casa mais veloz. O Grêmio buscava os contra-ataques e mesmo com a entrada de Marquinhos, não conseguiu ficar mais ofensivo. Aos 36, em contra-ataque, Léo Moura lançou Nixon, que na cara do gol bateu para boa defesa de Grohe.


A partida caiu muito de rendimento, principalmente por parte do time do Grêmio, que levou pressão do Flamengo no fim da partida. Ao fim, empate com gosto de derrota.


Veja também