Grêmio aguarda posição do STJD sobre possível caso de injúria racial em Curitiba

Torcedora teria ofendido Matheus Henrique ainda no primeiro tempo da partida pela Copa do Brasil

5 de setembro de 2019 - Às 20:22
Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação / CP

O departamento jurídico do Grêmio observa um suposto caso de injúria racial, ocorrido na noite dessa quarta-feira, na Arena da Baixada, durante a derrota por 2 a 0 para o Athletico-PR, que resultou na eliminação do Tricolor nas semifinais da Copa do Brasil. Uma das imagens flagrou uma torcedora do clube paranaense proferindo possíveis ofensas racistas a um jogador do Grêmio.

De acordo com Nestor Hein, diretor jurídico do clube, o caso está nas mãos da procuradoria do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). “Agora já independe de ação do Grêmio”, declarou, nesta quinta-feira.

Ainda segundo Hein, o clube vai esperar a manifestação do STJD e, portanto, evitou comentar o caso: “Não vamos tomar nenhuma decisão por enquanto”, resumiu.

O caso teria ocorrido ainda no primeiro tempo da partida, quando o Athletico vencia pelo placar de 1 a 0. Uma torcedora, na arquibancada, teria proferido insultos e palavras racistas direcionadas ao volante Matheus Henrique.



Veja também