Foto: Lucas Uebel/Grêmio

O Grêmio começa a decidir nesta quinta-feira a passagem para as quartas de final da Copa Libertadores da América. Jogará a primeira partida contra o Libertad dentro da Arena e terá de fazer o derradeiro jogo longe de Porto Alegre. O lema atual no vestiário gremista é levar o menor número de problemas possível para o Paraguai.

A frase tem sido constantemente repetida pelo técnico Renato Gaúcho ao elenco. Foi usada pela primeira vez pelo jovem Jean Pyerre, em uma entrevista no início desta semana. O meia pediu concentração máxima para não repetir a derrota sofrida para o Libertad dentro da Arena, na fase de grupos.

– Uma coisa importante que o grupo fala e eu aprendi também, quanto menos problema levar de Porto Alegre para fora, melhor para a gente. A gente tem que estar ligado pelo fato de fazer o primeiro jogo em casa. Talvez no primeiro jogo, dá uma rateada, uma bobeira, pode comprometer o segundo. Quanto menos problemas levarmos de Porto Alegre para o segundo jogo, melhor – repetiu Jean.

O Renato tem várias frases, né? Está sempre falando isso. Ele diz que tem que falar todo dia porque o jogador esquece mesmo. Se for ficar falando as frases dele, vamos usar várias (André)
André diz que Renato reforça sempre todo dia lema para mata-mata — Foto: Eduardo Moura

André diz que Renato reforça sempre todo dia lema para mata-mata — Foto: Eduardo Moura

O pensamento virou uma espécie de mantra para os jogos decisivos deste segundo semestre. Já foi assim contra o Bahia, nas quartas da Copa do Brasil, embora sem tanto efeito prático, pelo empate cedido na Arena. O alerta vale porque o Grêmio perdeu para o Libertad na fase de grupos dentro de casa.

– No primeiro jogo a gente deu uma bobeira e levou gol no início. No jogo lá a gente não deu e saiu com a vitória. Os dois times se conhecem, vai ser um jogo difícil, truncado. Agora é mata-mata e os dois vão entrar mais focados. Vamos tentar surpreender eles para levar quanto menos problema possível para lá – explicou André, já usando o lema do clube.

E o bordão pode ser colocado em prática novamente nas semifinais da competição nacional, já que o Tricolor encara o Athletico-PR primeiro em casa, no dia 14 de agosto, e depois fora, no dia 4 de setembro.

São esperados 38 mil torcedores e, até a noite desta terça, mais de 14 mil ingressos haviam sido vendidos. O Grêmio treina ainda na tarde desta quarta-feira para a partida de quinta. Mais uma oportunidade para Renato fixar na cabeça dos atletas o lema para o atual momento de mata-mata.



Veja também