Gols sofridos em casa são preocupação para o Grêmio contra o Rosário

Dos 13 jogos disputados na Arena nesta temporada, Tricolor sofreu gols em sete

26 de abril de 2016 - Às 12:17
Foto: Lucas Uebel
Foto: Lucas Uebel

Após a traumática eliminação para o Juventude no final de semana, o Grêmio passa a se preparar para o confronto contra o Rosário Central, nesta quarta-feira pela Libertadores. Mas, a preocupação para enfrentar os argentinos é algo que não era problema na temporada passada: a zaga.

Nesta temporada, das 13 partidas disputadas na Arena, a equipe sofreu gols em sete partidas. Em apenas seis saiu sem sofrer gols. E outra preocupação: Destes jogos que não sofreu gol, Geromel estava em campo, e nesta quarta, o zagueiro será desfalque devido a caxumba.

Desta forma, Bressan e Fred ganham a responsabilidade de defender o time diante do Rosário Central. Outro problema, é a bola aérea. Dos 26 gols sofridos na temporada, 14 foram neste tipo de jogada – e inclusive culminaram na eliminação do Gauchão, já que em Caxias o Juventude fez os dois gols neste tipo de lance.

– A gente trabalha. Às vezes, não acontece como esperamos. A maioria dos resultados se define em bolas paradas. O Roger põe a gente para fazer os treinamentos e, às vezes, acabamos tomando o gol. É corrigir e não acontecer mais. Eu vejo que não adianta chegar e falar lá: “Bota 200 dentro da área”. É o posicionamento, um ou outro conversando. Tivemos um pouco de dificuldade em Caxias – avaliou Maicon.

O jogo entre Grêmio e Rosário Central acontece nesta quarta às 21h45 na Arena.



Veja também