Foto: Eduardo Moura

Candidato a titular do time, o meia Gabriel Silva voltou a treinar na manhã desta sexta-feira, no CT Luiz Carvalho, depois de deixar o trabalho do dia anterior. O técnico Roger Machado não indicou o time para o jogo com o Ituano, na segunda-feira, no período aberto do treinamento para a imprensa e mantém a dúvida na escalação.

O meio-campista deixou o treino de quinta, segundo relato do Grêmio, por dor de cabeça. Hoje, inclusive, apresentou um curativo na testa durante o treinamento. Ele é candidato a ocupar a vaga de Lucas Silva no meio-campo. Ausência em dois treinamentos, Diogo Barbosa teve lesão muscular constatada e para por duas semanas.

A maior parte do grupo esteve dividida em três estações de treinamento comandadas pelos auxiliares. Cada uma tinha uma dinâmica de troca de passes diferente para os jogadores antes da finalização no gol. Em diferentes grupos, Janderson, Pedro Lucas e Nicolas chamaram atenção pelo aproveitamento nos chutes, entre outros nomes.

Ao mesmo tempo, Roger comandou um trabalho específico para os zagueiros, com lançamentos para os jogadores afastarem de cabeça e depois interceptar um passe e já ligar uma saída rápida.

Todos os jogadores cotados para iniciar o jogo da próxima segunda-feira estava no campo. A tendência de escalação contra o Ituano tem

Brenno; Rodrigo Ferreira, Geromel, Bruno Alves e Nicolas; Villasanti, Bitello e Lucas Silva (Gabriel Silva); Elias, Gabriel Teixeira e Diego Souza.

O restante do trabalho foi fechado para a imprensa, com a indicação do time titular para o duelo. Edilson segue como desfalque e fez trabalhos apenas na academia, sem aparecer no gramado. O volante Michel deu voltas no campo.

O Grêmio ainda treinará sábado e domingo antes da viagem para São Paulo, que ocorre no domingo. O confronto contra o Ituano está marcado para as 20h de segunda-feira, no Estádio Novelli Júnior, em Itu.



Veja também