O Grêmio, enfim, venceu uma partida. Depois de mais de um mês e nove partidas, o Tricolor bateu a LDU por 1 a 0 na noite desta terça-feira, em Quito, pela primeira partida das oitavas de final da Copa Sul-Americana. O técnico Luiz Felipe Scolari valorizou o resultado e o fim do jejum.

O resultado deu a vantagem para o Tricolor na disputa eliminatória. O segundo jogo ocorre na próxima terça, na Arena, e o clube gaúcho pode empatar que estará classificado às quartas de final. Um alívio se comparada à situação no Brasileirão, no qual o Grêmio é lanterna com apenas três pontos ganhos.

— Foi importante vencer, mas o mais importante é ter um grupo com uma mentalidade que supera algumas dificuldades que estamos passando e que são grandes no momento. É o que estamos tentando, foi muito bom o resultado, mas temos um longo caminho para conseguirmos alguma coisa — destacou Felipão.

Felipão conquistou primeira vitória em nova passagem pelo Grêmio contra a LDU — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Felipão conquistou primeira vitória em nova passagem pelo Grêmio contra a LDU — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Ao final da partida, o Grêmio acabou o jogo praticamente só com jogadores formados na base. Os destaques ficaram por conta do goleiro Gabriel Chapecó, o atacante Léo Pereira e o lateral Vanderson.

— A tranquilidade dos jovens pode ser oportunizada pelos mais experientes, e foi isso que aconteceu. Nós temos um grupo muito jovem e um pouco mais experiente. Essa mistura ajudou e vem ajudando nos dois jogos que assumi como treinador. E acredito que com esse ambiente e com esse trabalho, nós podemos conseguir resultados no futuro muito bons — apontou o treinador.

O Grêmio desembarca em Porto Alegre na manhã desta quarta-feira e já treina. No sábado, o clube gaúcho encara o Fluminense, às 21h, no Maracanã, pelo Brasileirão. Pela Sul-Americana, recebe a LDU na Arena, na terça que vem, com a vantagem de um empate.



Veja também