A vantagem construída pelo Grêmio sobre o Vitória, no primeiro jogo das oitavas de final da Copa do Brasil, trouxe peças há algum tempo até mesmo fora das listas de relacionados. É uma das missões de Felipão também “recuperar” alguns jogadores e tê-los como “reforços” para o restante do ano. Casos de Cortez, Lucas Silva e Luiz Fernando.

Os dois primeiros começaram como titular, enquanto o atacante entrou e deu passe para o último gol no 3 a 0 da última terça-feira e ganhou moral com o treinador. Após o jogo, Scolari elogiou o desempenho e também disse ter ficado satisfeito por “ganhar” jogadores dentro do elenco.Não são os reforços, mas poderão reforçar a equipe em determinados momentos mais do que a gente imaginava. Estou feliz com a entrada dos jogadores. A retribuição ao grupo todo é importante à medida que tivermos mais necessidades.— Felipão

Lucas Silva em Grêmio x Vitória — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Lucas Silva em Grêmio x Vitória — Foto: Lucas Uebel/Grêmio

O lateral-esquerdo tem sido titular na maior parte dos jogos com Felipão — foram cinco vezes em seis disputados com o treinador. Em quatro destas partidas, o Tricolor deixou o campo sem sofrer gols. O técnico, em entrevista, valorizou a capacidade defensiva do jogador.

Já Lucas Silva também retomou espaço em Salvador. Depois de um período em baixa, iniciou a segunda partida com Scolari. No vestiário, inclusive, teve conversa reservada e ganhou atenção especial do chefe.

Lucas recebeu a braçadeira de capitão justamente como uma maneira de ser valorizado pelo comandante. Teve atuação elogiada e participação no primeiro gol gremista.

— É minha função, tenho que olhar o dia todo de trabalho, analisar se posso colocar em determinados jogos. Antes do jogo, já havíamos manifestado como iria entrar o Pinares, como o Lucas jogaria. São jogadores de boa qualidade e que a gente vai conhecendo nos treinamentos e colocando durante os jogos. É como consertar algo no avião que está no ar, mas vamos conhecendo — completou o técnico.

Bruno Cortez abraça Diogo Barbosa após gol do concorrente na lateral — Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Bruno Cortez abraça Diogo Barbosa após gol do concorrente na lateral — Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

A situação de Luiz Fernando é mais inicial em relação aos outros dois nomes, mas também um exemplo. O atacante ficou à disposição pela primeira vez com Felipão e já entrou logo no segundo tempo, à frente de jovens como Léo Chú, por exemplo.

O Grêmio tenta diminuir o elenco, mas Luiz Felipe Scolari quis a permanência de Luiz Fernando para o restante do ano.

Outros nomes usados por Felipão foram o meia Pinares e o zagueiro Rodrigues. O treinador girou o grupo para evitar problemas físicos na sequência dos jogos e observou mais o elenco. O próprio lateral-esquerdo Diogo Barbosa, alvo de críticas da torcida, entrou no segundo tempo e fechou o placar.

O Grêmio chegou a Atibaia, no interior paulista, na noite desta quarta-feira e lá permanece até sábado, quando encara o Bragantino, pelo Brasileirão. Com sete pontos conquistados, é o vice-lanterna da competição.



Veja também