Fábio Koff e Felipão no Grêmio em 2013?

12 de julho de 2012 - Às 21:51
As movimentações no Grêmio com a proximidade das eleições para presidente estão cada vez maiores. As eleições ocorrem nos meses de Setembro e Outubro, e a oposição tenta convencer Fábio Koff a concorrer à presidência. O ex-presidente, foi duas vezes campeão da Libertadores e Campeão Mundial, os títulos mais importantes da história do Grêmio.
Após conquistar a Copa do Brasil, Luiz Felipe Scolari disse que não seguirá no Palmeiras em 2013, o que pode significar sua volta ao Tricolor. Este, foi campeão da Libertadores em 1995, junto com Koff.
Felipão despistou sobre um acordo:
“Converso com freqüência com o presidente Koff, mas posso garantir que não tenho nenhum acerto para retornar ao Grêmio”
E sobre a candidatura de Koff, nada ainda está acertado:
“Nós estamos conversando, existe esta ideia, mas eu ainda não decidi, tenho algumas situações pessoais para definir antes de dizer se aceito ou não o convite do ex-presidente Fábio Koff”, disse Raul Régis, que seria o candidato de consenso entre os movimentos políticos do clube e com o apoio de Fábio Koff.
O atual presidente, Paulo Odone, vem sendo contestado pelos torcedores e até mesmo dentro do conselho deliberativo do Grêmio. Tudo indica que Odone não deve continuar à frente do Grêmio em 2013.
As informações são do terra.com.br
Confira o desabafo de Odone:


Veja também