Foto: LC MOREIRA/ESTADÃO CONTEÚDO

Com time reserva, o Grêmio até abriu o placar, mas cedeu à pressão e levou a virada do Fortaleza por 2 a 1 na tarde deste sábado, no Castelão, em jogo pela 27ª rodada do Brasileiro. Paulo Miranda abriu o placar, mas Wellington Paulista e Osvaldo marcaram para os donos da casa ainda no primeiro tempo.

O Tricolor recorreu a alguns titulares no segundo tempo em busca da reação, com as entradas de Everton e Diego Tardelli. Mas sem sucesso. Ao final do jogo, Cebolinha admitiu as falhas defensivas nos dois gols do Fortaleza, mas disse que o time não tem muito tempo para ficar lamentando. Afinal, na quarta-feira, decide uma vaga na final da Libertadores contra o Flamengo, no Maracanã.

– Independente da equipe que veio à campo o pensamento era vencer a partida. Começamos bem, mas acabamos levando a virada em duas falhas. Mas agora é bola para frente. Quarta-feira temos um grande jogo. É o jogo mais importante do ano, temos que ter muita concentração e foco – afirmou Cebolinha.

Com a derrota, a segunda consecutiva no Campeonato Brasileiro, o Grêmio estaciona na sétima posição, com 41 pontos, e pode cair para o nono lugar em caso de vitórias de Bahia e Athletico no complemento da rodada e se afastar do G-6.

Mas agora é tudo Libertadores para Grêmio. A delegação tricolor deixa Fortaleza ainda neste sábado e chega na madrugada de domingo ao Rio de Janeiro, onde treina à tarde, no CT do Fluminense. Na quarta-feira, o time encara o Flamengo, no Maracanã, no jogo de volta das semifinais.



Veja também