Everton assume nova função no Grêmio

Renato diz que atacante "incomoda" os zagueiros mais centralizado, mas que jovem ainda não está no mesmo nível de 2016

29 de março de 2017 - Às 12:06
Foto: Lucas Uebel / Grêmio / Divulgação / CP

Em meio ao time reserva desta quarta-feira, há um atleta em especial que busca o melhor ritmo em 2017. Além disso, dá a Renato algumas características de Luan no ataque, como movimentação e velocidade, e também presença de área, como um centroavante, segundo o próprio treinador. É o caso de Everton, praticamente confirmado no Tricolor contra o São Paulo-RS, às 21h45, em Rio Grande, pela última rodada da primeira fase do Gauchão.

Após uma conversa “muito séria” com Everton e os demais atacantes do plantel, Renato deu seu parecer sobre o jovem de 21 anos recém completos. De acordo com o técnico, é ele quem mais “incomoda” e segura os zagueiros ao atuar próximo ou dentro da área, características semelhantes às de Lucas Barrios, contratado para ser o centroavante e “fazedor de gols” do time. Como o paraguaio ainda se recupera de um edema na coxa direita, Everton deve começar a partida desta noite.

– Tive uma conversa muito séria com o Everton. Ele nos ajudou bastante no ano passado, eu dou bastantes conselhos a ele, Luan, Pedro Rocha. Por incrível que pareça, é quem mais se assemelha a jogar próximo da área, do zagueiro, depois do Barrios. Tem que ter alguém ali para incomodar os zagueiros. Não adianta colocar o Luan ali, porque ele não sabe fazer. Então, depois do Barrios, é o que mais faz isso – avalia Renato.

Everton ganha a vaga momentânea, mas terá de fazer por onde seguir na equipe, até por seu rendimento ainda deixar a desejar nesta temporada. Conforme Renato, o camisa 11 vive momento aquém em relação ao ano passado, quando contribuiu até com gol na final da Copa do Brasil, contra o Atlético-MG, no Mineirão.

– Jogando bem ou não, ele briga, se entrega o tempo todo. As oportunidades estão aí. Eu tenho dado oportunidades a todos. Resta o jogador aproveitar. Eu procuro fazer o possível para que a equipe não sinta tanto. O Everton tem brigado, não tem jogado o futebol do ano passado, mas tem nos ajudado – ressalta Renato.

Com 17 pontos na tabela do Gauchão, o Grêmio tenta a vitória no Aldo Dapuzzo em busca do segundo lugar geral. Se isso não ocorrer, pode cair até a quinta posição, o que lhe impossibilitaria decidir a vaga das quartas de final em casa. O duelo com o desesperado São Paulo-RS, que briga contra o rebaixamento, começa às 21h45.



Veja também