“Estamos jogando o melhor futebol do Brasil”, avalia Renato

Técnico gostou do desempenho contra o Vasco, mas pede “pezinho no chão” para a sequência

4 de junho de 2017 - Às 21:10
Foto: Mauro Schaefer

O técnico Renato Portaluppi comemorou muito a vitória do Grêmio sobre o Vasco da Gama, por 2 a 0, na Arena, em jogo válido pela 4ª rodada do Brasileirão. O treinador ressaltou que a equipe soube se portar contra um adversário que se preparou para ficar fechado defensivamente e explorar os contra-ataques.

“Gostei da equipe. Jogou com inteligência, personalidade e valorizou muito a posse de bola. Na preleção, alertei que o Vasco viria para se defender e achar um gol. Em uma bola parada ou em um contra-ataque. Tínhamos que ter calma e inteligência, como atuamos no primeiro tempo. Falei para eles não tentarem o gol de qualquer jeito e fizemos. No segundo tempo, o jogo ficou mais aberto e podíamos ter ampliado. Sempre é difícil jogar contra um time fechado. No futebol, é mais fácil desarmar do que armar”, declarou Renato.

Para o técnico, a equipe tem, no momento, o melhor desempenho do país, mas isso não é garantia de conquistas. “Hoje o Grêmio está jogando o melhor futebol do Brasil. Só que, de maneira alguma, isso nos credencia para conquistar as competições que estamos disputando. Pezinho no chão, pois o Grêmio não é favorito a nada. Estamos jogando bonito, conquistando as vitórias e enchendo os olhos da torcida, mas é muito pouco para conquistar o título. Temos que subir degrau a degrau”, completou”, afirmou o técnico.

O treinador destacou a importância de fazer mudanças ou manter o time que estava jogando, mesmo com os retornos de Edílson e Maicon, e o desempenho se manter em alto nível. “Meu grupo é muito bom em todos os sentidos. Perdemos vários jogadores por lesões e quem entrou deu conta do recado. A equipe, independente de quem entra, vem se comportando muito bem. Todo mundo está na ponta dos cascos e quer jogar. Agora, o importante é que, quem está fora, está dando força”

Com três vitórias em quatro jogos no Brasileirão, classificado para as oitavas na Libertadores e garantido nas quartas da Copa do Brasil, Renato não teme que o grupo passe a acreditar que é o melhor e a desprezar os adversários. Segundo o comandante, o trabalho vem sendo feito diariamente para manter os jogadores com os “pezinhos no chão”.

“Não deixou entrar nada que pode prejudicar o meu grupo. Ele está blindado em todos os sentidos. A cada partida somos cobrados e o torcedor tem que entender que todo adversário quer tirar uma casquinha. A dedicação dos adversários tem sido maior devido ao que o Grêmio vem fazendo. Nossa maior virtude é sempre respeitar o adversário e jogar”, afirmou o técnico.

O Tricolor volta aos treinamentos nesta segunda-feira, às 15h30min, no CT Luiz Carvalho. O próximo compromisso é quarta-feira, às 21h45min, contra a Chapecoense, na Arena Condá.



Veja também