Foto: Guilherme Testa / CP Memória

A busca por reforços no Grêmio não terminou, e até ganhou alguns capítulos dramáticos com a lesão de Douglas, mas o coordenador técnico, Valdir Espinosa, pregou cautela no mercado. “Grande jogador sai caríssimo e trazer um meia boca não resolve”, afirmou, em entrevista à Rádio Guaíba nesta segunda-feira.

Espinosa frisou que, com a atual política, o Tricolor garantiu a Copa do Brasil de 2016. “O presidente Romildo Bolzan Jr. está fazendo o time ficar equilibrado. Segurando para não gastar errado, conquistou um título”, relatou. “Então, o desafio é achar o grande nome que o clube tem condições financeiras para trazer e resolver”, apontou o coordenador. “A direção está atenta e, enquanto não acontece, estaremos prontos para jogar e vencer”, projetou.

Para isso, Espinosa destacou as soluções internas do plantel. “Temos um Miler Bolaños que veio assumindo a vontade de dar resposta, de assumir uma posição”, citou. “Vale lembrar que trouxemos o Leo Moura, que não veio só para fazer a lateral. É um jogador com qualidade técnica, experiência e sabe jogar na função de meio-campo.”

Fonte: Correio do Povo



Veja também