O Grêmio está pronto para o reencontro contra o Santos, nesta quarta-feira, na Arena, pela 34ª rodada do Brasileirão. Na manhã desta terça-feira, o técnico Renato Portaluppi comandou uma atividade técnica no CT Luiz Carvalho e ainda tem duas dúvidas no time.

Diogo Barbosa já não sente mais dores no tornozelo, que o tiraram do jogo contra o Coritiba. Assim como Pepê está recuperado das dores no quadril – ele ficou de fora contra Atlético-MG e Coxa. Ambos seguem sob observação, e se mantiveram o quadro físico estável, serão titulares nesta quarta.

Ferreira é opção para a vaga de Pepê — Foto: Lucas Uebel/Divulgação Grêmio

Ferreira é opção para a vaga de Pepê — Foto: Lucas Uebel/Divulgação Grêmio

Os retornos já confirmados começam por Kannemann e Matheus Henrique, que cumpriram suspensão pelo terceiro cartão amarelo na última rodada. Vanderlei volta ao gol após ser preservado. Victor Ferraz e Rodrigues não começaram contra o Coxa, mas iniciam diante do Santos.

Portanto, o time deve manter a base titular dos últimos jogos, com o retorno de Lucas Silva, recuperado de dores no pé, e de Diego Souza, com desconforto na coxa direita. Cortez e Ferreira são as opções, em caso de baixas de Diogo Barbosa e Pepê.

A provável escalação do Grêmio tem: Vanderlei; Victor Ferraz, Rodrigues, Kannemann e Diogo Barbosa (Bruno Cortez); Lucas Silva e Matheus Henrique; Alisson, Jean Pyerre e Pepê (Ferreira); Diego Souza.

Kannemann, em treino do Grêmio, volta ao time contra o Santos — Foto: Lucas Uebel/DVG/Grêmio

Kannemann, em treino do Grêmio, volta ao time contra o Santos — Foto: Lucas Uebel/DVG/Grêmio

Até o momento, apenas Diego Churín ainda sente dores musculares e deve ser desfalque. Maicon, com o mesmo problema, deve ficar à disposição no banco de reservas. Por fim, Darlan cumprirá suspensão pelo terceiro cartão amarelo.

Grêmio e Santos se enfrentam a partir das 16h desta quarta-feira, na Arena, pela 34ª rodada do Brasileirão. O Tricolor é sétimo colocado, com 52 pontos, e não vence há seis rodadas.



Veja também