Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Miguel Borja realizou atividades com bola no treino desta quinta-feira, no CT Luiz Carvalho, e pode voltar ao time do Grêmio no jogo de segunda-feira contra o Atlético-GO. Restam três treinos para o técnico Vagner Mancini definir a equipe titular.

Conforme apurou o ge, Borja ainda segue o tratamento com a fisioterapia, mas já trabalha com bola, ou seja, está avançando na recuperação. Diferentemente de Geromel e Léo Pereira, que estão em estágios anteriores.

Borja torceu o tornozelo esquerdo na derrota para o Sport no início do mês, Geromel teve fratura no pé durante um treino e Léo Pereira se recupera de trauma no tornozelo esquerdo.

Mancini e sua comissão técnica ainda treinam aspectos específicos do modelo de jogo que almejam aplicar no time do Grêmio. Assim, a escalação da equipe titular ainda está em testes. As dúvidas, por ora, estão entre Paulo Miranda e Ruan na zaga, e Borja e Diego Souza no ataque.

A escalação possível do Grêmio tem: Brenno; Vanderson; Paulo Miranda (Ruan), Kannemann e Rafinha; Thiago Santos e Villasanti; Alisson, Jean Pyerre e Douglas Costa; Borja (Diego Souza).

O elenco volta aos trabalhos às 15h30 desta sexta-feira no CT Luiz Carvalho. Depois, treina às 10h de sábado e domingo, dia em que viaja à Goiânia em voo fretado. O retorno da delegação ocorre apenas na manhã de terça-feira.

O Grêmio enfrenta o Atlético-GO às 20h de segunda-feira no estádio Antônio Aciolly, pela 28ª rodada do Brasileirão. O Tricolor segue em penúltimo lugar na tabela do Brasileirão com 26 pontos.



Veja também