Renato Gaúcho e presidente falaram após o empate com o Santos

15 de novembro de 2010 - Às 14:08
Após o bom empate diante do Santos, pelo menos pelas circunstâncias do jogo, o Grêmio chegou aos 54 pontos e está dois atrás de Atlético-PR e Botafogo, respectivamente.
Após o empate diante do Santos, o técnico Renato Gaúcho concedeu entrevista exclusiva.
Sobre ter jogador com dez jogadores:
“Pra gente foi uma vitória, não é fácil jogar com 10 homens contra a qualidade da equipe do santos. Dei os parabéns pela luta, pela garra, pela determinação. Saímos daqui felizes”.
A possibilidade de vaga na Libertadores:
Eu tenho uma equipe que está concentrada nessa vaga. A equipe marcou, jogou, se impôs, mostrou porque quer chegar na libertadores. Eles estão se entregando dentro de campo. Esse grupo merece pelo o que vem fazendo, pode ter certeza que vamos continuar lutando”
No fim, falou sobre a vontade de permanecer no clube:
“Eu gosto de desafios, por isso que vim pro Grêmio. Eu perguntei aos jogadores se eles gostariam de ir embora. Ninguém quis. Todo mundo quer trabalhar no Grêmio, que tem uma estrutura maravilhosa, uma torcida maravilhosa”, exaltou.

O presidente, Duda Kroeff comemorou o resultado:

“O Grêmio jogou quase todo tempo com um homem a menos. Mereceu o ponto que está conquistando hoje, acho que esse ponto vai nos colocar na libertadores”. E Completou falando sobre os próximos confrontos: “O Grêmio tem um grupo bom e uma torcida maravilhosa que vai lotar o olímpico no próximo jogo”.


Veja também