Valdir Friolin / Agencia RBS

Seguem as tratativas entre Grêmio e Douglas Costa para o meia-atacante retornar ao clube. As conversas são tratadas com atenção e sigilo, por conta da ligação do jogador com os torcedores, além de recentes expectativas de anúncios que não foram confirmados pelo Tricolor. Por isso, declarações públicas são evitadas no momento. Porém, o atleta considera a possibilidade de voltar a Porto Alegre no mês de junho.

O tema é tratado com cuidado, mas há esperança por parte do estafe de que ele consiga a liberação da Juventus na metade da temporada do futebol brasileiro. O objetivo é que os contatos sejam intensificados nos próximos dias para sensibilizar os europeus a ceder Douglas antes do final do seu vínculo, que tem duração até a metade de 2022.

Desta forma, ele conseguiria aproveitar o período de férias para retornar ao país. O sonho é que tudo seja finalizado até o meio do ano e que ele possa integrar o plantel gremista. A janela de transferências será aberta apenas em agosto.

Pessoas próximas ao meia-atacante acreditam que ele possa aproveitar o final da temporada na Alemanha, já que está cedido ao Bayern de Munique até a metade de 2021, e voltar em definitivo ao Tricolor com o aval da Juventus. Diferentes alternativas de compensação aos italianos são avaliadas.

Em paralelo, o jogador recebe consultas de outras ligas. O principal concorrente na investida gremista é o Galatasaray-TUR. Há o entendimento de que, financeiramente, o Tricolor não poderá concorrer com valores europeus, mas que a decisão da Juventus pode levar em consideração o desejo do atleta.

Por isso, a cautela será mantida — principalmente por parte da direção gremista, já que há receio de nova frustração do torcedor. Assim, a novela segue em andamento, e o desfecho ainda não está próximo.



Veja também