Em 95 anos de existência, Liverpool-URU terá jogo mais importante de sua história; Confira mais detalhes do confronto gremista

28 de dezembro de 2010 - Às 13:00

Em Janeiro, o Grêmio tem a Pré-Libertadores para encarar. O adversário, é grande em nome, mas muito pequeno em história.

Para se ter uma idéia, as partidas diante do Grêmio (26/01 e 02/02), serão as mais importantes da história do clube em seus 95 anos de existência.
Será a primeira participação do clube uruguaio na Libertadores, e quer surpreender.
Os maiores feitos do clube são três títulos da Segunda divisão do Uruguai. Bem diferente do seu xará da Inglaterra, comandado por Gerrard. 
No ano passado, o time disputou sua primeira partida oficial fora do País, e foi eliminado pelo Cienciano, do Peru, na 1ª fase da Sul-Americana.
O primeiro jogo será no estádio Centenário, já que o estádio do clube tem capacidade para apenas 6.500 pessoas.

O presidente do clube uruguaio falou:
– Nós, uruguaios, não desistimos nunca. Nunca nos damos por vencidos. No futebol nada é impossível, o próprio Uruguai demonstrou isso no Mundial da África do Sul. É claro que é difícil passarmos pelo Grêmio, mas haverá muita luta – disse o técnico Eduardo Favaro, em recente entrevista ao jornal Zero Hora.
O Liverpool joga no sistema 4-4-2, e não se pode pensar mal, já que tem um bom time, atacam e conseguiram a classificação à Pré-Libertadores. Ter pela frente um bicampeão da América não é fácil para os uruguaios, mas lá e visto como a chance de eles voltarem ao cenário do futebol.
Então, nada de salto alto como fez nosso primo probre do RS, que a classificação virá sem sofrimento.
CONFIRA ABAIXO O NÚMERO DE TÍTULOS DOS DOIS CLUBES:


Veja também