O Grêmio não saiu do 0 a 0 com o Criciúma na noite desta quinta-feira, na Arena, e segue fora do G-4 da Série B ao fim da oitava rodada. A equipe deixou o gramado sob vaias da torcida. Em sua estreia como titular, o atacante Elkeson voltou a lamentar um resultado negativo e pediu desculpa ao torcedor.

O jogador buscado na China como um dos principais reforços para a temporada atuou ao lado de Diego Souza no comando do ataque. Teve apenas uma chance de finalizar e viu todo o time sucumbir em nova atuação abaixo do esperado. Apesar de reconhecer os problemas, sugeriu calma para afastar a pressão.

– Tentamos dar nosso melhor dentro de campo. Criamos bastante desde o primeiro tempo. Mais uma vez, a gente tem que pedir desculpa, lamentar esse resultado estranho diante do nosso torcedor. É o momento de ter calma também. Sei que está todo mundo chateado, mas o campeonato ainda tem muitos jogos – disse Elkeson na zona mista da Arena.

Elkeson fez a estreia como titular do Grêmio nesta quinta — Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

Elkeson fez a estreia como titular do Grêmio nesta quinta — Foto: Lucas Uebel / Grêmio FBPA

O centroavante foi substituído por Elias aos 26 minutos do segundo tempo, quando já não tinha mais fôlego. Mesmo assim, se manteve como um dos porta-vozes da equipe após o apito final, bem como tinha ocorrido no empate contra o Ituano, na rodada passada.

– Ainda temos muitos jogos para vencer e estar ali no G-4 para subir. Hoje teve uma entrega maior da equipe para conseguir a vitória. Infelizmente, a bola não quis entrar e ficamos com este resultado mesmo.

O Grêmio dorme na sexta colocação da Série B com 12 pontos. Pode perder algum posto até o fim da rodada. A próxima partida é somente no dia 29, contra o Vila Nova, no Serra Dourada. Na terça-feira, decide a Recopa Gaúcha diante do Glória, em Vacaria.



Veja também