Edílson sofre lesão na panturrilha e fica mais tempo fora do time

Lateral pode ficar fora do Gre-Nal e da estreia na Libertadores

15 de fevereiro de 2017 - Às 17:01
Foto: Carlos Macedo /Agencia RBS

O exame de imagem realizado em Edílson nesta quarta-feira indicou uma lesão muscular na panturrilha direita e o lateral direito terá que ficar afastado dos treinamentos por 15 dias. Se o organismo reagir bem ao tratamento, o jogador deverá ficar à disposição para a estreia do Grêmio na Libertadores, contra o Zamora, na cidade venezuelana de Barinas, a 500 quilômetros da capital Caracas.

O defensor ficará em tratamento até o dia 2 e, dificilmente, terá condições de estar em campo no primeiro Gre-Nal de 2017, dia 4, às 18h30min, na Arena. Edílson sofreu a lesão no jogo-treino contra o São Gabriel na tarde de terça-feira poucos minutos após o início da atividade.

O lateral passou por uma artroscopia no joelho direito no final do ano passado, o que atrasou o início da sua participação nos trabalhos de pré-temporada, mas o problema constatado não tem relação com o do ano passado, segundo o departamento médico gremista. Além de Edílson, Luan, com uma tendinite no joelho esquerdo, Jael, com um entorse no joelho direito, Pedro Rocha, com uma lesão no calcanhar, Beto da Silva, com um estiramento na coxa direita, e Douglas, que passou por cirurgia no joelho esquerdo, são os jogadores entregues ao departamento médico.

O Grêmio volta aos treinos às 16h30min. O técnico Renato Portaluppi terá ainda três trabalhos para definir a equipe que enfrenta o São José, na Arena, no domingo, às 19h30min.



Veja também