Foto: AGUSTIN MARCARIAN REUTERS

É TRI!!! O Grêmio voltou a vencer o Lanús pela decisão da Libertadores e com agregado de 3 a 1 é Tricampeão da América. O Tricolor fez um grande jogo, sólido na defesa e decisivo no ataque, e com grande atuação, foi o campeão da América!

Escalação inicial: Marcelo Grohe; Edilson, Geromel, Bressan e Bruno Cortez; Arthur, Jailson, Ramiro, Luan e Fernandinho; Lucas Barrios.

PRIMEIRO TEMPO
O Tricolor iniciou muito bem a partida, pressionando a saída de bola do time do Lanús que não conseguia chegar ao ataque. O Grêmio tocava a bola com perigo no ataque. O time argentino deu algumas entradas duras no início do jogo.

O Grêmio estava melhor no jogo e aproveitou o momento. Aos 27 minutos, Fernandinho puxou contra-ataque do meio campo, avançou sozinho e bateu forte na saída do goleiro, abrindo o placar. A primeira intervenção de Grohe foi aos 29 minutos após cobrança de falta.

No lance seguinte, novamente em contra-ataque, o Tricolor teve ótima chance, mas Ramiro desperdiçou. Aos 41, Luan recebeu lançamento, fez linda jogada individual driblando toda a defesa do Lanús e na cara do gol deu um toque por cima do goleiro, ampliando o placar.

O Grêmio dominou a partida na etapa inicial de ponta a ponta.

SEGUNDO TEMPO
Na etapa complementar, o Grêmio continuou marcando firme em campo, não deixando o time do Lanús chegar com perigo. O jogo caminhava exatamente como o Tricolor queria, mas em um lance isolado, aos 26 minutos, Jaílson cometeu pênalti. Sand bateu para descontar para os argentinos.

Após o gol, o Lanús se lançou ao ataque. O Tricolor continuou marcando bem, mas aos 37 minutos, Ramiro perdeu a cabeça ao reclamar com o árbitro e acabou expulso, deixando o Grêmio com um a menos em campo.

O time do Lanús deixou espaços e aos 44 minutos, Fernandinho puxou contra-ataque e deixou Luan na cara do gol. O jovem Gremista bateu por cima do goleiro, mas a bola foi para fora, muito perto do gol.

O Tricolor segurou o resultado até o fim, garantindo a sua terceira taça da Libertadores!



Veja também