Após 11 anos longe do Grêmio, Douglas Costa celebrou a sua estreia pelo clube, apesar de não ter sido a mais sonhada. Afinal, o Tricolor perdeu por 1 a 0 para o Sport, nesta quinta-feira, na Ilha do Retiro, pela 4ª rodada do Brasileirão.

Em entrevista na saída de campo, o meia-atacante chegou a dizer que o Grêmio estava irreconhecível no primeiro tempo, quando sofreu o gol da derrota. Douglas entrou em campo aos 17 minutos da segunda etapa, mas pouco conseguiu fazer para reverter o resultado.

— É uma realização de mais um sonho. No segundo tempo nos comportamos melhor, porque no primeiro tempo estávamos praticamente irreconhecíveis. É botar em prática tudo o que é novo para, quando tiver a bola, fazer o adversário correr. É basicamente isso que temos que trabalhar — comentou Douglas Costa.

Douglas Costa estreia pelo Grêmio contra o Sport — Foto: Marlon Costa/Pernambuco Press

Douglas Costa estreia pelo Grêmio contra o Sport — Foto: Marlon Costa/Pernambuco Press

Douglas não entrava em campo há mais de quatro meses, desde a conquista do Mundial de Clubes pelo Bayern de Munique. Ficou pouco mais de 30 minutos em jogo, mas será necessário maior tempo para que readquira o melhor ritmo, como o próprio relatou.

— Depois de tanto tempo fora, o ritmo, quatro meses sem jogar, é algo que vou ganhando com o tempo. Vamos trabalhar na semana, melhorar e dar o meu máximo como todos sabem que posso dar. Tenho que pisar no campo e ganhar mais condicionamento que nem fiz hoje. Mas é muito cedo — completou Douglas.

Com o resultado, o Tricolor é o lanterna do Brasileirão com nenhum ponto somado. São três derrotas seguidas e há o jogo adiado do Flamengo na segunda rodada.

O Grêmio volta aos treinos nesta sexta-feira, ainda no Recife, e viaja apenas na tarde de sábado para o Mato Grosso. No domingo, a equipe enfrente o Cuiabá pelo Brasileirão.



Veja também