Direção do Grêmio descarta que lesões tenham sido problemas de preparo físico

No último domingo, três jogadores tiveram que ser substituídos devido a lesão muscular

22 de junho de 2016 - Às 12:11

alberto guerra 3O Grêmio tem sofrido nesta temporada com lesões, principalmente musculares. No último domingo, três jogadores saíram devido a esse tipo de situação: Maicon, Geromel e Wallace Reis. Os três devem perder o Gre-Nal, daqui a duas semanas.

O vice de futebol Alberto Guerra comentou sobre as lesões:

“Eu tenho a preocupação de ir atrás de todos os procedimentos. Me foram repassados todos os índices, e esses atletas (Geromel, Wallace e Maicon) não estavam no grupo de risco. Mas claro que três lesões musculares em um mesmo jogo não é normal”, acrescenta. “O nosso time joga de forma muito intensa, propõe o jogo”, lembra. O frio do último domingo também é levado em consideração na hora de explicar os motivos de tantas lesões musculares. “Não tenho dúvida que existe uma diferença. O nosso time foi muito pouco exigido durante a partida e, quando o jogador precisa dar uma acelerada, acaba sentindo”, diz Guerra.

O dirigente afasta a possibilidade de ter havido um erro da preparação física no aquecimento. “Não acho que houve erro. O frio é um dos elementos que contribuíram, mas não é o único”, destaca. A fisiologia determina que entre a oitava e décima segunda partida os jogadores entram em uma fase de risco. “Talvez nessa questão tenha havido um erro de direção, de não ter poupado algum atleta sabendo que estávamos nessa fase. Mas nenhuma das métricas dos atletas apontava um risco grande, só essa do número de partidas”, finaliza o vice de futebol.



Veja também