Direção do Grêmio considera “muito difícil” reforço nos últimos dias de inscrições

Após anúncio de Cristian, Renato Portaluppi admitiu que esperava um atacante

6 de setembro de 2017 - Às 16:54
Foto: Lucas Uebel / Grêmio

A dois dias do encerramento das inscrições da Confederação Brasileira de Futebol (CBF), o vice de futebol do Grêmio, Odorico Roman, acreditar ser “muito difícil” que o clube anuncie algum reforço. Após a apresentação do volante Cristian, Roman lembrou que restam poucos dias para o fechamento da “janela” da CBF e isso praticamente acabam com as possibilidades de algum reforço.

Um jogador que chegou a ser sondado foi Carlos Eduardo, atacante de 21 anos do Goiás. Porém, os valores para conseguir a liberação foram considerados altos e o negócio não avançou.

“No momento, não (terá mais reforços). Não acredito que teremos novidades até o fechamento das inscrições da CBF no dia 8. Não acredito que venha mais alguém”, revelou Roman.

Somente um negócio de ocasião poderá mudar a situação. A expectativa é que o Grêmio dispute os dois últimos campeonatos do segundo semestre com o grupo que tem atualmente.

Após a confirmação do volante Cristian, o técnico Renato Portaluppi revelou que aguardava ainda um jogador para a função de Pedro Rocha, vendido para o Spartak Moscou. “Pretendo contar com mais um jogador para frente. Nunca posso falar que o grupo está fechado, mas vai depender da diretoria e de uma oportunidade que possa surgir. Está em aberto, mas podemos trazer. Se daqui a pouco aparecer um nome que a gente possa contratar, vamos conversar com a diretoria e, dentro do possível, trazer”, frisou o treinador.



Veja também