Foto: Lucas Uebel/DVG/Grêmio

Diogo Barbosa aproveitou a brecha na lateral esquerda do Grêmio com participação em dois gols na vitória de 3 a 0 em cima do São Paulo na quinta-feira, na Arena, pela 35ª rodada do Brasileirão. Ele acirra a disputa pela vaga – e inclusive sai na frente – para o jogo contra o Corinthians, no domingo, às 16h, na Neo Química Arena.

Bruno Cortez, que vinha sendo o titular, foi apenas advertido no julgamento do STJD na sexta-feira e fica à disposição do técnico Vagner Mancini. Ele havia cumprido suspensão pelo terceiro cartão amarelo diante do São Paulo.

Assim, Diogo Barbosa teve 90 minutos para mostrar ao treinador que pode dar conta do recado nos jogos decisivos do Grêmio na luta contra o rebaixamento. Ao que tudo indica, Mancini tem motivos de sobra para mantê-lo no time. Entretanto, a escalação de Cortez não é descartada.

Diogo aproveitou a chance ao dar uma assistência e marcar um golaço contra o São Paulo. No primeiro tempo, aos 22 minutos, recebeu de Ferreira e cruzou na pequena área, onde Thiago Santos entrou de cabeça para abrir o placar.

Curiosamente, na mesma minutagem, mas na etapa final, o lateral avançou pelo meio no campo adversário, cortou Igor Gomes e chutou com o pé direito, que não é o preferido, e mandou a bola na gaveta, sem chances para Volpi.

O técnico Vagner Mancini comanda o último treino neste sábado para definir o titular na lateral esquerda. A tendência é que o Grêmio enfrente o Corinthians com: Gabriel Grando; Rafinha, Geromel, Kannemann e Diogo Barbosa; Thiago Santos (Sarará), Lucas Silva e Campaz; Ferreira, Jhonata Robert e Diego Souza.

O duelo decisivo na briga contra o rebaixamento está marcado para as 16h de domingo, na Neo Química Arena, pela penúltima rodada do Brasileirão. O Tricolor é o 18º colocado com 39 pontos, quatro a menos que o Cuiabá, primeiro fora do Z-4.



Veja também