Diego Souza diz que empate foi justo e vê Grêmio bem vivo para o jogo de volta: “Nada assusta”

Com gol de pênalti nos acréscimos, Tricolor ficou no 1 a 1 com o Santos nesta quarta-feira, na Arena, no jogo de ida das quartas de final da Libertadores

10 de dezembro de 2020 - Às 08:33

Diego Souza vibrou com o gol marcado no empate do Grêmio em 1 a 1 com o Santos nesta quarta-feira, na Arena, pelo jogo de ida das quartas de final da Libertadores. Após a partida, o centroavante garantiu que o Tricolor está vivo e que nada assusta o time para buscar a vitória fora de casa no jogo da volta, na próxima semana, na Vila Belmiro.

No primeiro duelo entre os dois times, Kaio Jorge abriu o placar para o Peixe aos 35 minutos do primeiro tempo, após uma falha de Vanderlei na saída de gol. O Grêmio buscou a reação e só conseguiu igualar nos acréscimos da etapa final, com Diego Souza convertendo penalidade.

– Se fosse 1 a 0 para o Santos também sairíamos grande, a camisa (do Grêmio) é muito pesada. Empatamos, se tivesse sido derrota, a gente consegue ganhar fora de casa também, nada assusta. Nossa equipe é equilibrada. Vamos trabalhar muito porque sabemos que o jogo é muito difícil – disse Diego à transmissão da Fox Sports.

Diego Souza, Grêmio x Santos, Libertadores — Foto: Lucas Uebel/Divulgação Grêmio

Diego Souza, Grêmio x Santos, Libertadores — Foto: Lucas Uebel/Divulgação Grêmio

O centroavante ainda reconheceu a qualidade e a estratégia adotada pelo Santos, mas acredita que, pelo contexto da partida, o empate foi o melhor resultado.

– Eles acharam o gol, mas a equipe do Santos é qualificada, vieram com três volantes aqui para realmente dificultar nossas ações. Conseguiram ficar de forma confortável no jogo e nós tivemos que martelar redobrado. Mas pelo segundo tempo que fizemos, o empate foi justo – completou o jogador.

Com o resultado, o Grêmio avança se houver igualdade no placar por dois ou mais gols. Já o Santos, por ter marcado como visitante, joga pelo empate sem gols na próxima quarta-feira, na Vila Belmiro, para ir às semifinais. Quem vencer, leva a vaga.



Veja também