Foto: Lucas Uebel/Grêmio

Diego Souza marcou o segundo gol do Grêmio na vitória por 2 a 0 diante do Guarany de Bagé, no último domingo, pela quarta rodada do Gauchão. O centroavante alcançou a marca de 70 gols, somadas as duas passagens com a camisa tricolor, e se aproximou de Renato Portaluppi na artilharia da história do clube.

O camisa 29 agora tem apenas quatro gols a menos que o maior ídolo da história do Grêmio. Diego Souza tem 70 gols somando os 16 gols da sua primeira passagem com os 54 feitos desde seu retorno em 2020 – foram 171 jogos no total. Renato tem 74 gols no clube.

Na última rodada do Gauchão, o centroavante igualou Everton Cebolinha e Éder na artilharia com a camisa tricolor. Nesta temporada, o jogador tem a chance de ultrapassar, além de Portaluppi, Paulo Nunes (73), Luan (77) e Jonas (78). Depois, a lista tem Osvaldo, com 106 gols. Alcindo encabeça a lista, com 264 gols feitos pelo clube gaúcho.

Além disso, o jogador também está a um gol de igualar Cebolinha na artilharia da Arena. Diego Souza soma 42 gols na casa gremista, enquanto o atual atacante do Benfica tem 43. Ano passado o goleador do Grêmio já havia entrado para o top 10 artilheiros da história do Brasileirão, ultrapassando nomes como Washington e Serginho Chulapa.

Na temporada de 2020, que precisou ser interrompida por conta do surto de Covid e se estendeu até 2021, Diego Souza balançou as redes 28 vezes. Na temporada passada, foram 24 gols, 10 deles na campanha no Brasileirão que culminou no rebaixamento. Se mantiver a média, pode se aproximar dos 100 gols com a camisa gremista.

Em 2022, o centroavante já começou com média alta de gols: em dois jogos do time profissional, marcou duas vezes, contra o São José e Guarany de Bagé. O experiente pode atingir o feito inédito de ser pelo terceiro ano consecutivo o goleador do Campeonato Gaúcho.

O Tricolor volta a campo na próxima quarta-feira, contra o Aimoré, pela quinta rodada do Gauchão. A bola rola no Estádio Cristo Rei, em São Leopoldo, às 20h30. Porém, Mancini deve levar a campo um time reserva, já que ainda está na reta final da pré-temporada.



Veja também