Dicionário Gremista #2: Baltazar

27 de julho de 2013 - Às 15:08

 Baltazar Maria de Morais Júnior

Baltazar Maria de Morais Júnior, mais conhecido como Baltazar era chamado também de “Goleador de Deus”, por ser evangélico praticante. Nasceu em Goiás no ano de 1959, em 1979 foi contratado pelo Grêmio junto ao Atlético Goianiense.

Perdia muitos gols nos jogos, mas isso era em virtude de que ele finalizava muito, e com isso, na maioria das partidas, guardava seu gol, fazendo com que os gremistas esquecessem todos os gols perdidos por ele na partida.

Até hoje é o maior artilheiro de um Gauchão em uma só temporada, com 28 gols no ano de 1980, sendo que em 1981 ele fez 20 gols e foi artilheiro novamente. Ganhou pelo Grêmio também o Campeonato Brasileiro de 1981, onde ele fez o gol do título em cima do São Paulo. 
No ano seguinte foi vice-campeão do Brasileirão, onde até hoje correm boatos de que a final foi armada para o Grêmio não ganhar.
Após sair do Grêmio, jogou no Flamengo e em vários clubes brasileiros, depois foi para a Europa, onde foi Chuteira de Ouro pelo Atlético de Madrid na temporada 88/89 com 35 gols. Foi convocado para a seleção brasileira por 7 jogos e marcou 3 gols.



Veja também