Desatenção tem custado caro pro Grêmio, diz Kannemann

Zagueiro reconheceu que Novo Hamburgo fez um bom jogo

18 de abril de 2017 - Às 06:14
Foto: Lucas Uebel

A segunda-feira foi dia de buscar razões para o empate diante do Novo Hamburgo nesse domingo, na Arena. Assim como diante do Deportes Iquiqui, o Tricolor largou na frente, mas permitiu a reação do adversário. Em entrevista coletiva, o zagueiro Kannemann lamentou a brecha que o volante Juninho achou para marcar o gol para o Nóia, mas reconheceu a forte marcaçao do adversário.

“A equipe contrária também ataca, produz oportunidades. Perdemos uma ou duas jogadas na desconcentração e temos pagado muito caro”, reconheceu o zagueiro na tarde desta segunda-feira. “Eles conseguem fazer o gol. Novo Hamburgo tem uma marcação muito forte. Temos que tratar de melhorar e parar de fazer esta brecha acontecer”, disse.

O próximo compromisso do Grêmio nesta quinta-feira contra o Guaraní pela Libertadores servirá para equipe reforçar a atenção dentro de campo. ” É um jogo importante e não pode cometer erro. Qualquer bola pode perder jogo e qualquer bola pode enganar”, disse. “Tem que estar muito esperto, muito atento para tratar de trazermos o melhor resultado para aqui.”

Vídeo:



Veja também